Tuesday, January 12, 2010

PAUSA PARA METAMORFOSEAR (4)







Dificilmente, Kafka imaginaria que ao darem o seu nome a uma artéria urbana de Praga - ou de qualquer outra cidade, perderia o estatuto de escritor para o de "coisa", isto porque sabemos bem, que aqueles que são menos dados às artes (e não são poucos) descreveriam que "sim, havia uma exposição de pintura na Praça Kafka, mas como não sou apreciador, não entrei." como poderiam ter dito com singeleza "sim, havia uma exposição de pintura na Travessa das Oliveiras..." Deste modo, para aqueles cujos interesses versam áreas menos culturais, Kafka bem poderia ser o nome de um fruto, de um rio ou, menos poeticamente, de um movimento político perdido na névoa do tempo. Não contam para estes fins assertivos, ministros metamorfosearem-se em administradores de empresas públicas ou treinadores de futebol, que eram bestiais em bestas, porques esses são casos considerados normativos do senso comum. Mas dirão vocês, indefectíveis leitores destas prosas e sempre à espreita de me apanharem em falso, que "mas a que propósito vem este texto? Desta vez é que ele perdeu o tino." Explico: esta manhã, um canal de televisão anunciou que um tigre que vivia em cativeiro, transformou em carne picada o seu carcereiro quando este o alimentava. Predador por natureza, o felino revoltou-se, por tantas vezes um homem lhe dar de comer à boca. Pretendia o humano à viva força, que o animal selvagem se transformasse num animal doméstico o que para o tigre - que segundo a mesma notícia, nunca leu Kafka - seria um absurdo e uma provocação. Antes insecto.
..............................................................................................
Esta pausa é a sequência das anteriores três (pausas) e reflexo de como é bom pausar, sem o incómodo de perseguir objectivos ou dar seguimento a histórias quase caidas no esquecimento. Aliás, queda para dar música a quem dela necessite, foi algo que nunca perdi de vista e que me define como ser solidário.

2010. Texto e foto de Alberto Oliveira.

23 Comments:

Blogger lélé said...

Isso de metamorfosear, neste caso escritores, em "coisas" dá especialmente jeito a quem não é escritor, pintor ou o que quer que seja... Foi noticiado, há relativamente pouco tempo, um caso desses, aqui em Portugal e acredito que há imensos candidatos à espera da metamorfose...

Gosto sempre muito dos teus textos. (Não sei se já o tinha dito antes)

13/1/10 01:37  
Blogger Fa menor said...

Muito bem!
Do mesmo modo, não se deve tolher os movimentos a quem foi feito para a liberdade!...

Bjins
e
boas pausas! :)

13/1/10 09:54  
Blogger Licínia Quitério said...

E metamorfoseias muito bem. Tão bem que, ampliando devidamente a foto supra, dei comigo a ler um pedaço de tabuleta onde estaria escrito ZECA PASTELARIA. E já estou a ver os senhores praguenses (ou praguianos?!) a lambuzarem-se de pastéis de nata e de mil-folhas recheadas de doce de ovos. Porque isto é preciso é imaginação que nos faça zarpar desta modorra de chuva, vento,frio, neve, etc. com que estas nossas paragens se vão, também elas, metamorfoseando.
Quanto à Grande Perseguição, não cai no esquecimento, nem penses. Até acho que a história do felino devorador de domadores não é mais do que um capítulo algo sórdido da referida aventura que escrupulosamente fizeste sair de cena.

Sempre me divirto ao pousar neste Papel.
Um abraço.

13/1/10 14:41  
Blogger MagyMay said...

...ele é pausa para publicidade... ele é a pausa para navegar..ele é a pausa para metamorfosear...
Hummm... tu estás é dar-nos música, confessa!

Ok.. mas tocas(escreves) bem e alegras.

Por mim, hei-se sempre atazanar para que venha o resto da história lá do Jesualdo e da Euclides ou da Isilda. Ora, estavamos à beira daquele jantar do "vamos lá a esclarecer"!!!!

13/1/10 17:33  
Blogger CCF said...

Porque dá mais gozo começar as coisas do que as acabar? Também tenho imensa tendência a deixar as histórias penduradas...mas se a escrita se torna uma obrigação, é uma chatice...pelo que venham as pausas!
~CC~

13/1/10 19:37  
Blogger Rui said...

Aproveitando a corrente de ar descendente, o insecto aproveitou a boleia e veio pousar a meia altura, numa esquina, naquilo que lhe pareceu um lugar seguro. Sacudiu as asas e as antenas e pôs-se a observar quem passava naquele anunciado lugar justo. "Bom dia". "Sou eu, aqui, bom dia". A principio, o insecto julgou que tinha sido alguém mais abaixo, na rua, que tivesse falado, mas agora era como se alguém lhe estivesse a falar ao ouvido. "Bom dia". Estava já para bater a asa dali para fora, quando percebeu que estava pousado em cima do busto de um homem. E era esse homem quem lhe desejava um dia bom.
- Surreal - murmurou o insecto.
- A quem o dizes - respondeu o busto.
- És o busto do Aleixo?
- Não vês que esse é branco e eu sou preto?
- Tens razão. Ando a ver demasiada televisão.
- O que te trás aqui à Travessa do Oliveira?
- O vento.
- Olha lá, tu, por algum acaso, não te chamas Gregor?
- Mas esse não era uma barata?
- Ando a ler demasiados livros...
- E o que me dizes da mata de carvalhos?
- Mata de carvalhos?
- Do Carvalhal, pá!
- Ah, esse...

E lá ficaram os dois, a surrealizar por ali.

14/1/10 11:54  
Blogger Marta said...

É, sobretudo estar atento e saber apreciar a vida....
Obrigada pela visita e será que o Desidério vai ouvir a Eglantina dizer o que não se pode negar ao coração?? Estou curiosa...
Até já??
Beijos e abraços
Marta

14/1/10 13:50  
Blogger JPD said...

Caro Alberto

Pontos prévios (PP):

Li algumas obras de Kafka, mantendo vivas as leituras de «A Metamorfose» (Também vi o filme) e «O Processo»

As obras deste checo não são nada fáceis, mas valem pela antecipação fulgurante de muitos tiques comportamentais das sociedades ocidentais.

Foram extraordinárias premonições.

2º PP: Até ao Sec. XIX talvez fizesse sentido a deia de um homem intelectualmente activo e a dominar várias áreas de conhecimento.
A partir dessa data, a necessidade de especialização aumentou -- Actualmente é premente -- enfraquecendo rapidamente aquele modelo do «sabe-tudo!»

Se a «Metamorfose» ocorresse nesse sentido e os comunicadores a respeitassem, fenómenos como os de Marcelo Rebelo de Sousa, António Vitorino, Pacheco Pereira, etc. não ocorriam

Mais grave ainda, titulares de cargos públicos -- Teoricamente especializados em determinadas áreas -- jamais integraria cargos de Administradores Não executivos de sectores estranhos a uma especialização alardeada.

Eis a razão porque é penoso ver gente a discutir tudo-e-nada, sem rigor técnico ou científico e com disponibilidade total.
Em muitos casos, disponíveis para divagar sobre a moralização e sobre ética.

Um abraço.

14/1/10 23:24  
Blogger Justine said...

Infelizmente, meu caro amigo, o que para aí falta é tigre a transformar-se de boa vontade em insecto, só porque lhe dão comidinha na boca...mas esses não comem os tratadores!
Continua a pausar, que te faz bem e a nós também:))

15/1/10 12:12  
Blogger São said...

Também já coloquei há tempos atrás uma citação de Kafka lá no meu espaço e visitei a sua casa quando estive na bonita cidade de Praha.

Bom fim de semana.

15/1/10 17:02  
Blogger Silvana Nunes .'. said...

Olá, boa tarde.
Sou professora, pesquisadora e contadora de histórias.Vivo de blog em blog angariando leitores e tentando divulgar o meu pelo simples fato de perpetuar a história de meu país - tenho medo que ela seja engolida por toda essa globalização.
Se gostar de meu esdpaço e achar minha proposta coerente, por favor SIGA-ME nesta luta por um mundo melhor.
FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... está convidando para conhecer uma lenda bastante contemporânea - a do pássaro-cabeça-de-vento.
É só clicar no link http://www.silnunesprof.blogspot.com que você chega até lá rapidamente.
Gostaria que tivesse um pouquinho mais de paciência comigo, estou com alguns probleminhas para resolver: preciso de um novo exame de vista e de um monitor novo, o meu está meio embaçado, já tentei regular, mas o problema está com ele mesmo, tenho de comprar outro. E agora não me encontro em condições disso - só eu sei o sacrifício que faço para postar as histórias.
Se já passei por aqui, mil perdões. Como disse, a falta dos meus óculos e esse monitor com problemas não me deixam enxergar direito.
Que os bons ventos soprem a seu favor neste ano de 2010.
A PAZ .
Saudações Florestais !

16/1/10 04:15  
Blogger Filomena Barata said...

Tens razão, são boas as pausas para repescar velhos livros da estante. Vou reler o "Processo" e pensar no que as ruas medievais de Praga mo fizerem entender.

16/1/10 11:47  
Blogger Daniel Santos said...

tipo o que nos fazem a nós, tentam e se calhar já nos domesticaram.

16/1/10 19:53  
Blogger tulipa said...

Mais uma pausa...faz muito bem!

No intuito de levar ao conhecimento de todos a minha paixão pela fotografia, bem como a intenção de continuar a expor em qualquer parte do País, venho divulgar e ao mesmo tempo, fazer o convite para a minha próxima exposição de fotografia intitulada: “Impressões de Viagem à Índia” cuja inauguração será no dia 19 de Janeiro, pelas 18h.
No meu blog está o convite, em nome do Sr. Presidente da Câmara Municipal da Moita.

Uma senhora que viveu muitos anos na Índia arranjou-nos uns saris para decoração e algumas peças. Especiarias, decoração com arroz e pétalas de rosa, incenso, velas da Índia, alguma comida e a música também. Eu mesma, nascida em Moçambique, habituada à gastronomia indiana bem como chinesa devido às comunidades desses povos que lá viviam, tenho uma senhora amiga que faz chamuças e da qual sou cliente há 20 anos, vou levar chamuças para ofertar a quem estiver presente no dia da inauguração. Fiz um trabalho em power-point, onde trabalhei 170 fotos da minha viagem, em formato jpg num CD que vão passar num LCD. Ou seja, muita inovação nesta próxima mostra dos meus trabalhos em fotografia.

Só digo, isto promete!!!
Beijinhos.

17/1/10 00:49  
Blogger Rodrigo Fernandes (ex Rodrigo Rodrigues) said...

Já não sei a quantas andas, se na arquipausa, se na mesopausa, se na telopausa. Eu cá ando na minha metapausa, meto uma pausa aqui, meto uma pausa ali, agora estou pausado de todo que tenho que ficar aqui na Califórnia a cuidar da Myriam a dar-lhe leitinho da mãe que está no congelador. Isto é, o leitinho, que a Patanisca foi com os Doctors Without Borders apoiar os haicianos e virá cá de 3 em 3 dias dar mais leitinho para o congelador e satisfazer a pequena Myriam.
Eu tanto se me dá que seja Praça Kafka, que seja Praça Kiwi, ou Olive Tree Square. Lá na República Checa, que não é muito diferente da República Xeque-mate ou País-das-dez-mil-aldeias, também fazem exposição de pinturas. Que vulgaridade! Que pacovice! Exposição só como a que fiz lá no Cartaxo com as latas de tinta de óleo que comprei em saldos no Modelo. Isso sim! A história do Tigre foi outra (lembras-te do Tigre, o meu gato; ou melhor, eu era o homem dele). Mas isso é para contar noutra altura pois é uma belíssima história de perseguições e seguimentos.

17/1/10 19:19  
Blogger Ruela said...

Ka se fazem Ka se pagam...

Abraço.

17/1/10 22:53  
Blogger bettips said...

Ele é cão que não conhece dono...e há muitos assim, espalhados pelas notícias, quer dizer, por aí à tôa, à tona...
Pausa-te
não sejas assertivo
sê conjuntivo (ah...se a gente pudesse...)
nosotros e outras não te esquece o riso
ai não, não!
Bjs

18/1/10 22:06  
Blogger bettips said...

te esqueceremos ...nem que te esquecêssemos
pareceríamos que não te tínhamos
esquecido! Uff há que tempos não conjugava.

18/1/10 22:08  
Blogger gabriela r martins said...

ehehehehehehehe
único e imperdível




.
um beijo

18/1/10 22:38  
Blogger uminuto said...

agradeço a solidariedade, as pausas e afins...mas continuo a aguardar o fim das perseguições. É, ainda não esqueci!
um beijo

19/1/10 13:24  
Blogger M. said...

Bom, esta "Pausa para metamorfosear" também foi aliciante. Tanto quanto a cidade de Praga, onde "pausei" há alguns anos atrás.

23/1/10 17:42  
Blogger Arabica said...

Será que se tratava de um tigre letrado
e de um domador selvagem?

:)

Beijos e ...já sabes.

24/1/10 15:34  
Blogger AnaMar (pseudónimo) said...

Musica ou não, foi tão bom ler este texto...Eu que estava a precisar:-)
E bom saber que é solidário...

Bj

30/1/10 18:28  

Post a Comment

<< Home