Thursday, November 19, 2009

O INOCENTE DO COSTUME (8)










Avaliou melhor a situação e decidiu-se pelo "Manuel dos Grelos". Igual a tantas outras casas de restauração nas ruas secundárias da baixa pombalina e de clientela mais ou menos volante, dificilmente o reconheceriam das arruadas recentes pela capital uma vez que, desde essa altura, não tinha desfeito a barba e deixara crescer o cabelo que agora lhe tapava as orelhas. E aproveitaria para aparar as sobrancelhas que tanto gostava de arquear num tique de sobranceria, no salão de cabeleireiro unisexo, contíguo à casa de pasto. O "Atira-te ao Rio... " ficaria para mais tarde, talvez quando aqueles edifícios desactivados, à beira-d´água, e em permanente risco de desabar sobre a cabeça dos passeantes, acabassem por ruir por iniciativa(?!) própria. Ligou para o número que vinha na imagem e respondeu-lhe uma voz feminina no idioma de Lord Byron com indisfarçável sotaque beirão. A campanha do executivo de pôr os portugueses a falar inglês pelos cotovelos, estava a resultar, raciocinou, solicitando de imediato «Mesa para quatro, dia tal, às tantas horas. Sim, eu sei que é o meu secretário que costuma fazer as marcações, mas hoje deu-me uma de cidadão comum.» Despachou em grande velocidade uma associação de amigos do hóquei sobre o gelo, de Marvila, e uma companhia de circo nipónica, com elefantes trombudos e hienas sorridentes, que pretendia assentar arraiais no Intendente, na quadra do Natal. Esfregou as mãos (gesto que preludiava o início de aturado trabalho intelectual ou a impaciência sôfrega de atacar uma travessa de bacalhau com todos) e atirou-se à tarefa de enviar convites aos outros personagens desta história. Sorriu inigmaticamente e, sem se preocupar se o gabinete estava ou não, minado de escutas, disse para si, em alta-voz «Então a perseguirem-me?! Quando perceberem que um dia destes será o dia do cacador... » enervando-se logo a seguir por ter dado conta, tardiamente, que não tinha cedilhado o c de caça. Recompôs-se e consultou a lista de e-mails que o autor da história lhe tinha cedido previamente. O primeiro a ser enviado teria como destinatária Eunice, sua desconfiada esposa.
Continuará, até que os dedos me doam.
2009. Texto e foto de Alberto Oliveira.

32 Comments:

Blogger oxalá said...

Ah!...
Ainda bem que cheguei cedo! Desta vez posso escolher ali a mesa 7, a esguelhar o balcão do bitoque para o bacalhau, a escorregar para o jarrinho do tinto da casa!
Sim, sr. Jesualdo, pode ser com grelos de couve e não de couve naba que pra naba já cá canto eu.
Ah!... é um prazer este cheiro a tremoços de 5ª geração neste cantinho da beira beirum lá vai um, lá vai uma vara! Que saudades da suinicultura, compadre!
Agora é tudo vacinas, valas de água excepto no guadiana, enguias que se ficam pelas angulas, charro do alte que já nasce de cesariana.
Que isto da tecnologia é uma bela aquisição de barafunda no descalabro das poupanças de risco ao meio.

Compadre, ó compadre!, e atão o bacalhau?
Querem ver que me enganei no dia?

19/11/09 19:25  
Blogger bettips said...

O cidadão comum à caca, isto são só tiros para o ar, gilberto!
Seguirei com prelúdio, ai não é prelúdio, é precalço ke xatixe, é bambúrrio
é descalço
no gabinete que já me doem até os sapatos de andar a ser recebido por este e aquele, explicar que fitas, que fitas, que sexop, que alcoxete, que triplo salto
...
vou nessa, vanessa
Não, é ana mesmo e vais gostar, assegurem-se...
(se não tirares daqui o sentido, desculpa Alberto, é que já é muito noite e translucidio-me)
Bjinhos

20/11/09 02:38  
Blogger MagyMay said...

Manuel dos Grelos????
Bacalhau???

Carambas!!

Grelos só de couve!...bacalhau só no Natal!

A esse almoço assisto na mesa no fundo a comer uma sandocha de torresmos!

E então quem foram os cacados para o almoço?
(de tanto ler-te, de tanto admirar-te.Imito-te!...rs)

Beijo de bom fim de semana

20/11/09 09:44  
Blogger JPD said...

This comment has been removed by the author.

20/11/09 21:55  
Blogger Mar Arável said...

E Eunice ali ao lado.

Delicioso texto

20/11/09 22:34  
Blogger Lídia Borges said...

Muito bom!
A ironia, a crítica social, a caricatura...

Farpas (???)

Um beijo

20/11/09 22:56  
Blogger São said...

Alberto, já sabe da intenção de efectuar ensino bilingue logoa na antiga primeira classe?

Então é que Byron morre de vez, rrss

Uma noite repousada.

21/11/09 01:35  
Blogger Fa menor said...

Bem, em fim de semana de chuva...
e sem o Atira-te ao Rio...
não faltou água... eheheh
para me refrescar as ideias.
Gostei. pois!

Bom fim de semana

Bjs

21/11/09 15:27  
Blogger Arabica said...

Gostei muito do trocadilho das hienas sorridentes. Não era um trocadilho? Oh diabo, as minhas desculpas, mas como foram inseridas em contexto politico...

;))) Um abraço.

21/11/09 18:18  
Blogger Justine said...

Hoje vim bater-te à porta, ciente de que uma de duas coisas iria acontecer: ou encontrava um arrimo, um conforto na tua ironia subtil, ou então perdia-me de todo nas esquinas da tua prosa...
ainda estou práqui a decidir qual das duas foi!

21/11/09 18:19  
Blogger Filomena Barata said...

eu sorri e decidi não atirar.me ao rio para continuar a ler-tw, mesmo quando me perco no meio das tuas encruzilhadas ...
bom Domingo

21/11/09 23:51  
Blogger Filomena Barata said...

desculpa as gralhas, mas não sei dos óculos ...

21/11/09 23:52  
Blogger tb said...

:)))) sempre o aparo bem afiado. Ou as teclas, pois!
abraço neste fim de semana choroso

22/11/09 00:01  
Blogger JPD said...

Olá Alberto

Revi o comentário e achei ajuizada a sua remoção.
(A minha tentativa de humor estava desajustada da ironia e boa disposição da tua edição.)
Um abraço

22/11/09 17:12  
Blogger legivel said...

Para JPD:

(quase em directo)

Não me pareceu haver tal desajustamento e até havia um ponto que referias em que já tinha pensado para futuros textos. Mas tu é que decides sobre os comments que produzes.
Posto isto, preparo-me mentalmente para o jogo do século: Pescadores da Caparica versus Lagartos de Alvalade.

Abraço, José.

22/11/09 17:24  
Blogger JPD said...

Um abraço para ti também, Alberto.

22/11/09 17:45  
Blogger mixtu said...

o manel
dos grelos...

será que com bacalhau...

os convivas...

na verdade toda a gente está sob escuta... eu até deixei de falar e agora só teclo...

yayyaya

abrazo serrano y europeo

23/11/09 11:39  
Blogger Licínia Quitério said...

Que dirá Eunice quando receber o e-mail de Jesualdo?
Será mesmo que à mesa tudo se resolve?
Continuará Jesualdo a sua luta com as cedilhas?
Um novo personagem surgirá para confundir o leitor menos avisado das voltas da história?

Tudo isto e muito mais no próximo episódio.

Não sei que diga, não sei. Deve ser cansaco. :))))))

23/11/09 11:57  
Blogger Rosa dos Ventos said...

E o que direi eu depois de tanto dito?!
Que continuas no teu melhor!...

Abraço

23/11/09 14:38  
Blogger tulipa said...

Venho agradecer as suas palavras de alento e apoio:

"... na impossibilidade de estar presente, desejo-te as maiores felicidades para o evento."

São mesmo apenas "Alguns Amigos Especiais" que me dão alento e apoio para eu querer continuar nesta aventura ou hobby, chamem-lhe o que quiserem chamar...

Como disse estou desanimada com a pouca afluência de pessoas à exposição...
no entanto, há uma ou outra pessoa que vai "espreitar a exposição" e deixa-me radiante de alegria com o comentário que deixou:

Minha cara TULIPA
Deixa-me, acima de tudo agradecer a "hospitalidade" da tua pessoa na recepção à MAGNÍFICA exposição que fizeste (integralmente) sobre a tua viagem à Índia.
Soberba.
As fotos sairam fascinantes.
Há apurado estilo.
Gosto de pormenor.
História envolvente.
E acima de tudo...um trabalho pessoal exemplar.
Li algures, que irias desistir. Apelo, para que não o faças. Fiquei muito sensibilizado com o teu empenho.
Foi um gosto imenso partilhar essa exposição...apesar do dia de chuva!
Deixo-te um pequeno pormenor.
Tens qualidade e arte!
Por isso, continua.
Não deixes que pseudo fotógrafos ganhem terreno e até imodéstia, com imagens tiradas...ao acaso. Nunca ouviste a expressão...poucos mas bons?
Obrigado pelo carinho no autógrafo.
Como dizia no livro de visitas...
"EXIJO"....que continues.
Um beijinho.

Que dizer?
O meu coração fica completamente derretido.
Para si, um abraço.

23/11/09 14:39  
Blogger Ruela said...

MARVELLOUS!



;)


Abraço.

23/11/09 18:40  
Blogger Joana said...

Claramente a medida de secar o Tejo às baldadas é a melhor opção para uma cidade/país em seca de ideias e euritos! E claro tudo termina com um grande convívio, garrafão de vinhaça de 5 litros, enchidos, pataniscas de bacalhau e jaquinzinhos! Cá para mim a mulher não foi... ficou no cabeleireiro a fazer as "nails" de gel!

24/11/09 09:43  
Blogger uminuto said...

e que não te doam os dedos que eu quero saber qual a reacção da Eunice e dos restantes protagonistas
um beijo

24/11/09 11:37  
Blogger Leonor said...

bom essa de dar uma de cidadão comum... é coisa que de vez em quando alguns gostam de fazer, salvaguardando as devidas distâncias, pois então!

Uma vez para cima, quase se tropeça se olharem para baixo...

Boa semana!

24/11/09 17:47  
Blogger Fred Skill said...

... Dedos calejados pela boa escrita!

Bom dia.

25/11/09 13:25  
Blogger bettips said...

Lista de arguidos no mail? qual quê ... os suspeitos são os do costume e nunca pronunciados nem alegados (estão na foto abaixo a ver passar navios).
Bjs

25/11/09 21:21  
Blogger Rui said...

Assim que se sentou no restaurante, vindo da cozinha, chegou-lhe o ténue aroma dos grelos, distraindo-o da publicidade dos balões para todas as ocasiões - "que raio de balões terão eles para funerais"? Tratou logo de esfregar as mãos, com Spitacid, o desinfectante alcoólico para mãos que passara a trazer sempre no bolso desde que começaram a sair noticias sobre rostos ocultos: com ele, era sempre mãos limpas!
O empregado de mesa estendeu-lhe o menu. Não é necessário, sei bem o que quero: bacalhau com todos... e não se esqueça de trazer muitos grelos. O outro fez uma careta e coçou o alto da pinha. Disse, mas o nosso bacalhau com todos não leva grelos.
Regressado à publicidade dos balões, interrogava-se sobre se perdera capacidades olfactivas ou se lhe tinham mentido ou se... e depois corou.

26/11/09 11:49  
Blogger ~pi said...

grelos e grelos

[ até que a voz me voe

esganiçada

( mesmo com lord byron

accent,

até que um trovão se

abeire

me dilua e assim me

macalme

até que os dedos

caiam

como esposas

ruindo

desconfiados

? no cérebro

atravessados,

[ enfim, nada que se

recomende,





beijooooooo :)





~

27/11/09 11:00  
Blogger gabriela rocha martins said...

eheheheheheheeh

( afio os dentes e preparo.me para atacar o segundo ou terceiro prato ... perdão ,acto! )



.
um beijo

30/11/09 16:54  
Blogger legivel said...

Para Rui:

Não quis fazer figura de parvo e calei-me muito bem caladinho, mas durante três dias andei a remoer cá por dentro: mas que raio de balões são estes a que o homem se refere?! Será que já está a falar na festa do final do campeonato? Mas não joga a bota com a perdigota que o Braga...
Bom. Finalmente abri a imagem e lá estavam eles, os balões das partys que nunca me chamaram a atenção porque estavam quase fora da fotografia...
A idade não perdoa mas quem diz a verdade não merece castigo.Amen.

30/11/09 17:48  
Blogger Rui said...

Legível,

Eu, ciente de a idade não desculpar, comecei por pôr o personagem a tirar com a vista (sem querer) o I de UNISEX e a derivar sobre o que seria isso do UNSEX. Vai daí, como não consigo que deixe de ser, a coisa resvalou para a falta de nível e atirei-me, como o naufrago à bóia, ao letreiro seguinte.
Para a próxima, já sei: mais vale pouco nível que ter o Legível 3 dias às aranhas.

2/12/09 17:03  
Blogger Alien8 said...

Manuel dos Grelos parece-me uma boa escolhas. Já o cabeleireiro, enfim, não estou a ver a coisa com bons olhos. Manias...

15/12/09 23:59  

Post a Comment

<< Home