Friday, October 12, 2007

O NOSSO AGENTE EM BERLIM














Disseram-lhe que não admitiam mais erros e que se das outras missões ele esteve entregue a si próprio, nesta, nem valeria a pena maçar-se em voltar à casa-mãe. E remataram a reunião em tom irónico "Vai, e não te estiques como fizeste em Havana... . Em casa, depois de Laura Linda -a sua insufelabilíssima boneca, lhe proporcionar uma sessão de sexo escaldante, do duche bem quente, de dois whiskies com água lisa gelada e três cigarros Marlboro mornos, não conseguiu alinhavar ideias. O caso era extremamente delicado e uma falha poderia ter desagradáveis consequências diplomáticas. A pressão que lhe tinham colocado nos ombros era tão intensa e pesada que caiu na cama e adormeceu. Meia hora depois, estava num dos centros da capital alemã; os sonhos em classe executiva, sempre foram o seu meio de transporte preferido. Saiu do taxi perto da Alexanderplatz e mal teve tempo de abrir o guarda-chuva no preciso momento em que deixou de chover. O homem de camisa vermelha que o tinha seguido no sonho não desistia e olhou-o frontal e ameaçadoramente. O nosso agente levou a mão ao bolso traseiro das calças, num gesto inequívoco de desafio ao adversário e este afastou-se. Surpreendido pela sensação táctil inesperada do contacto da sua mão com o interior do bolso, Deodato Éfe retirou do mesmo, uma gorda salsicha alemã. Na confusão babilónica do fast-food berlinense, tinha comido a Smith & Wesson de grosso calibre e guardado o "cachorro"...

Berlim, 2007. Texto e foto de Alberto Oliveira.


25 Comments:

Blogger RB said...

Genial o final do texto. Muito bom.

13/10/07 02:18  
Blogger ~pi said...

ui...salsichas in the morninG!

well...british breaKfasT...!

:)






abraço e beijo

/smilinG...........................

13/10/07 10:11  
Blogger Maria P. said...

Berlim - bolas!
Bolas de Berlim, apetitosas como são sempre estas narrativas!

Beijinho, bom fim-de-semana, Senhor da "minhas" Rimas*

13/10/07 16:12  
Blogger Vanda Baltazar said...

Entre bolas de berlim, salsichas gordas e hamburguers ;) procura por favor o beijinho que te deixo aqui :)

Voltarei quem sabe, quando a neve do boneco, derreter :)


Van

13/10/07 17:00  
Blogger L.Reis said...

John Le Carré nunca teria imaginação suficiente para terminar assim um dos seus livros...os seus agentes não têm criatividade e nunca é dado o devido relevo à salsicha alemã e às suas potencialidades como protagonista...gostei deste nonsense :D

13/10/07 18:44  
Blogger lélé said...

As minhas viagens têm sido mais em sonhos de executadora, que de executiva, mas isso de guardar a salsicha no bolso de trás, só o valente soldado Schweik!... De qualquer forma, diz-se que "homem prevertido vale por dois...

14/10/07 00:20  
Blogger samartaime said...

Covenhamos que a vida ainda nos vai proporcionando surpresas agradáveis como essa que teve o teu compadre Deodato ao comer a pistola para depois encontrar o amburguer!... Sorte a dele, mas que não volte à terra para comer o amburguer que vai encontrar o pão a mais 30% e aí, em Berlim, sempre as pode comer com a bela da chucrute vegetatibus vegetatibilinensis, pois então!
De uma pernada finta o ministro das finanças europeu e o daqui do burgo - e tou para ver como se desenrasca o Sócatres desta!

14/10/07 00:39  
Blogger Ruela said...

..."Laura Linda -a sua insufelabilíssima boneca, lhe proporcionar uma sessão de sexo escaldante, do duche bem quente, de dois whiskies com água lisa gelada e três cigarros Marlboro mornos"...
HUMMMMM! Bom material...
deu-me uma ideia...
Criatividade ímpar, gostei muito.

14/10/07 14:32  
Blogger inominável said...

Alexander Platz? perto d elá? perto daqui?

olha, tu dás riso aos domingos berlinenses mais frios... depois do teu comentário no meu blogue, é óbvio que tive que te atazanar mais...

mas, confessa lá, gostas, não gostas????? e nem preciso de bater :)

auf wiedersehen

ps- prometo que quando encontrar uma paisagem masculina tb a descrevo... mas Grenoble é mesmo muito mulher!!!!!!!!!!!!!!!

14/10/07 17:24  
Blogger Gi said...

Com tanta comida fiquei com fome de mais . Ora bolas (de Berlim) assim não vale . tens que me explicar como é que ele guarda um hamburguer e lhe sai uma salsicha. Queres ver que para além de agente também é mágico
:)


Beijos. Estou farta de me rir .

14/10/07 19:15  
Blogger della-porther said...

bom te-lo reencontrado.



della

14/10/07 19:22  
Blogger legivel said...

para gi:

Estou envergonhadíssimo. Nunca mais li o texto, de contrário tinha dado por ela... que a ideia era mesmo escrever cachorro e não hamburguer. Mas como quem diz Berlim, pensa em Hamburgo, o "cão" foi promovido a vaca. Não é um bom argumento mas o que conta foi a salsicha que o Deodato tirou do bolso. O resto são... especulações.

Pensas que és só tu que te ris?! Atão e eu?! Essa do "mágico" vale o comment.

beijos.

14/10/07 19:59  
Blogger un dress said...

olha, eu acho que no caso dos superheróis - é o caso de...d Esse senhor

...Ésse,

comer um cachorro ( ou hamburguer vá...:)) ou uma dessas tais de grande calibre...enfim, é praticamente indiferente!

os êxitos estão garantidos as lauras e os copos também pelo que a vida corre por eles e nunca
com eles - como com nosotros...


.grande imaginação!

.grandes /so/r/risos !! :)

.abraÇo.beijO

14/10/07 20:18  
Blogger Dulce said...

Um final perfeito!! :-)
Um abraço

14/10/07 20:32  
Blogger legivel said...

para un dress:


Hoje estou em maré de azar! Depois do comment da gi fiz uma releitura do texto e achei que soava melhor "Deodato Éfe" que "Ésse". A correcção deve ter demorado de tal modo que ainda comentaste com o "Ésse" anterior ao "Éfe". Este comment certifica que não leste mal, pois anteriormente escrevi "Ésse" e só depois "Éfe" nem aconteceu nenhum passe de magia...

BEIJo.

14/10/07 20:37  
Blogger un dress said...

mas Ésse tem um look mais alemão!!

ora lÊ!!!:)ésssssse

mas prontUs que mude...

...f é mais enfezado é é!! ié!



:) b e i j O

14/10/07 22:18  
Blogger manhã said...

sempre me impressionaram o nome das armas, já das salsichas nem por isso, esse Éfe é um bocadito dado aos irmão Marx,áquele que come os telefones!

14/10/07 23:16  
Blogger Isabel said...

O meu amigo é um caso sério.
Continua a escrever histórias com a capacidade de me surpreender.
Adoro os detalhes irónicos, o non sense, os pedacinhos de amor descarado mais os pozinhos de sentido critico. jà para não falar no mistério e intriga de muitas das suas histórias e aqui bem presentes.
Muito melhor que salsichas!
A tua escrita não é certamente fast writing não senhor.
Qual Carré qual quê, rima e é verdade.

Isabel

15/10/07 16:37  
Blogger Pepe Luigi said...

Esplêndido todo o texto, nomeadamente a sua conclusão.

Um abraço

15/10/07 19:29  
Blogger Madrigal said...

Gosto imenso da forma como escreves. Pena é que eu te visite tão poucas vezes. Terei de voltar mais. Assim eu me sinta convidado.

Um abraço,
Jorge

15/10/07 22:51  
Blogger Gi said...

Mudaste o nome ... e eu a julgar que ele era aparentado do Hermann Ésse :)

15/10/07 23:56  
Blogger Madalena said...

Já ontem cá passei e, claro, vinha à espera de mais: Preciso de ler gente com interesse anda-me a cabeça empurrada para o lixo. :(

Bom dia! :)

16/10/07 08:51  
Blogger legivel said...

para madrigal:

O espaço está aberto a todos que o desejem visitar e nunca me passaria pela cabeça que serias uma excepção.

Um abraço.

Alberto.

16/10/07 11:10  
Blogger APC said...

Algures no outro bolso, estariam bolas de berlim! :-)

17/10/07 00:23  
Blogger Sofia said...

E isso nao lhe deu azia???????

ehehehehehhe

Gosto deste teu lado "cronica policial". Vou seguir atentamente este agente!

bjs

17/10/07 12:34  

Post a Comment

<< Home