Friday, December 02, 2005

O POMBO: PART TWO e ÚLTIMA



















Não sendo adepto confesso do remake, da part two or three, nas histórias do cinema, muito menos o sou no virtual bloguista. O original é sempre o original (para o bem ou para o mal) e as continuações, prestam-se a alguns equívocos. Mas enfim; há gostos para tudo e não é por aí que vem grande mal ao mundo, onde o entretenimento, quer no cinema quer nos blogs até poderia ser um dos actores principais.
Vem isto a propósito da imagem que estão a ver no post de hoje. E admito a legitimidade de questionarem quem subscreve o que no parágrafo anterior se escreveu (seria estultícia o próprio não subscrever o que escreve...), quando lhes aparece uma vez mais pela frente outra ave columbina, quando ainda há meia-dúzia de dias atrás, o pombo tinha honras de cartaz.
O motivo da aparente contradição foi-me oferecido de bandeja por uma amiga comentadora que pôs em causa a minha reconhecida e proclamada afeição pelos animais, sejam eles de que espécie forem e, cito de memória, que eu teria atado as patas à ave para ela surgir assim queda e muda no retrato!. Fica aqui a prova que o pombo de imagem de hoje, é o pombo da imagem do dia vinte e seis do pretérito mês. De tão manso que era, até chegou a entrar pela casa dentro. Na altura desta foto, estava assente numa única pata, costume que algumas aves têm; não porque eu lhe tenha cortado a outra...
Foto de: Alberto Oliveira.

56 Comments:

Blogger Lagoa_Azul said...

Lollllllllll...olha este pombo só pode ai viver, além do mais ta domesticado, ele esta tarde me mandou um email a contar tudo ;)
Um pombo como animal de estimação, nada mal pensado ...
Beijos.

2/12/05 20:40  
Blogger Lia C said...

Olha, vinha dizer mais ou menos o mesmo que disse a Lagoa: cá para mim não foi o pombo que entrou em tua casa, és tu que moras em casa do pombo!

(Está fabuloso, claro)

Beijos

2/12/05 21:28  
Blogger  said...

Eeheh o que lhe dás tu de comer? É que para ele se sentir tão seduzido pelo teu lar é porque lá terás tu os teus artificios culinários, no entender no sr. pombo claro. Tem um nome?

2/12/05 21:44  
Blogger amok_she said...

...eu ñ acredito!!!...eu a dizer q o raio do pombo me..."matava"...mas tu queres ver-me com asas...?????grrr

2/12/05 23:16  
Blogger JL said...

Caro Legível:

Duas breves notas:
1-se já tem pc e internet use o e-mail para comunicar e deixe o pombo correio em paz;

2-Vou já enviar esse texto e essa imagem para a sociedade protectora dos animais... Francamente...tirar uma pata ao pombo. Isso não se faz :-)

Um abraço

3/12/05 00:56  
Blogger mulhergorducha said...

Realmente, o habitual é vermos cães, gatos, piriquitos, canários e animais afins como animais de estimação. Agora um pombo?! É sem dúvida uma inovação.

Mudei à pouco de casa, mas também já fui "brindada" com a visita de um primo do teu visitante. Realmente são muito mansos ou então têm uma postura aventureira. Suponho que é do calor que está dentro de casa por oposição ao frio que faz na rua.


Beijos e bom fim de semana

Ah... e gosto muito das fotografias...desta e da que afixaste no dia vinte e seis do pretérito mês. Conseguiste apanhar a essência mais íntima do pombo.

3/12/05 12:02  
Blogger segurademim said...

Cada vez me convenço mais que o pombo acabou na panela!!!
o que não mostras na foto é o caldeirão com água a ferver para esfolar o bichinho; depois dizes que foi de vontade própria - à procura de calor...

Nem chegou a ter nome próprio??!! merecia a desfilar como um top-model, olha prá posição da pata...

Beijo :)

3/12/05 12:42  
Blogger Spiritman aka Bacardiman said...

Ficámos todos muito esclarecidos (risos) e depois... por vezes mais vale um pombo com uma pata do que um Homem com duas... (risos)!

Cumprimentos mixed by Jameson!

3/12/05 13:45  
Blogger manhã said...

Sendo assim também fico mais descansada...esta coisa dos pombos fritos também não é mau!

3/12/05 18:15  
Blogger Nia said...

Assim que olhei para a imagem ,pensei cá com os meus botões "Ora...cá está o pobrezinho com uma pata cortada..eu bem que falei que..." mas,quando te acabei de ler,e agora que falaste na pata única encolhida e tudo e...?Bem...sempre poderá tratar-se de "..a melhor defesa é o ataque...é o adiantar-se antes do ataque"!
De qualquer forma esse poderá não ser o mesmo pombo...aliás...agora que reparei melhor, agora vejo (com infravermelhos, não porque seja benfiquista mas para ver melhor no escuro)este aqui não é pombo, é pomba!Ora aí está! :)

3:28 PM

3/12/05 23:31  
Blogger manuel said...

Com que então a dar milho aos pombos? perdão, às pombas. Assim exibicionistas só podem...

E agora a entrarem desabusadas pela porta dentro, estão mesmo a pedir churrasco ...

Abraços

4/12/05 11:02  
Blogger Joana said...

Que simpatico o bichano...
Agora que vejo melhor... um arroz de pombo se calhar até marchava...
hum?
lolololl

4/12/05 13:43  
Blogger Spiritman aka Bacardiman said...

Só pra dizer que tenho curtido muito os teus últimos coments, e especialmente essa coisa das rimas. Quanto a mim não tenho andado "muito inspirado", será mais aspirado, ou com falta de aspirina. Bom, ou andarei com falta de Whisky por excesso de trabalho, ou falta de um pombo com uma pata só, pois isto de ter duas nem sempre me serve de nada...

Abraço mixed by... mixed by... Jameson! Jameson 12 anos!

4/12/05 13:49  
Blogger A.na said...

"A pomba já não estava diante do quarto.Nos ladrilhos onde estivera pousada havia apenas uma peninha,minúscula,que a corrente de ar provocada pela porta entreaberta agitava ao de leve."
(Patrick Suskind)

Sim...como a muralha!
Beijo

4/12/05 16:26  
Blogger JPD said...

Aí está um excelente post, o de teres conseguido que o pombo entrasse em casa e se deixasse fotografar. É muitobom sinal. Todos os sinais que o teu corpo emana são apaziguadores.
Belo.
Um abraço

4/12/05 16:28  
Blogger SalsolaKali said...

...tá um bocadito “enjojadito”… Na volta tá a adivinhar o que lhe poderá acontecer…
Já estou a imaginar o Legível de faca na mão e panela ao lume… mais vale agora, antes que ele se constipe com a gripe que aí vem…
LOL
BJ

4/12/05 18:30  
Blogger SalsolaKali said...

Ops...
"Táva" a brincar...
Coitadinho do pombo, estava com frio e cheio de fome e tu foste um querido em deixa-lo entrar... e deste-lhe de comer e tudo...
Vai cuidando dele assim, que eu vou tratar do encontro dele com o meu gato, pode ser?
BJ

4/12/05 18:33  
Blogger legivel said...

Para lagoa azul:

Tá mal pensado que não quero animais de estimação cá em casa. Já chega de funerais que fiz a gatos, cães, canários, peixes e sei lá que mais. Para mais não sou domador de pombos; se tivesse de domar algum animal, seria uma águia... ou dragão...

Beijos.

4/12/05 19:59  
Blogger legivel said...

Para lia c.:

Que me dedique a contar algumas fábulas, ainda vá que não vá.

Agora morar em casa de um pombo?! Nem no Pombal residi.

(Isso não é um detergente ou tira-nódoas?!)

Beijos.

4/12/05 20:04  
Blogger legivel said...

Para pé:

Dei-lhe só uns grãos de milho. Mas não achou piada. Devia estar à espera de uma açorda de marisco...

Se tivesse de lhe dar um nome, chamar-lhe-ia José Intruso... porque entrou em casa alheia sem ser convidado.

4/12/05 20:11  
Blogger legivel said...

Para amok_she:

Se tens brevet... porque não?!

Não percebo o teu mau-estar quando vês o animalejo; é manso, tenro mas levemente adocicado. Tem de levar umas pedrinhas de sal antes de.

mrrr

4/12/05 20:16  
Blogger legivel said...

Para jl:

Caro JL:

Duas notas ligeiras às suas duas breves notas:

1 - Também tenho micro-ondas, batedeiras, torradeiras e tenho de lhes dar uso. O pombo não é correio; exerce a profissão de serralheiro-mecânico em Cernache dos Olivais;

2 - Na SPA, ficariam espantadíssimos com essa denúncia; sabem perfeitamente que o pombo perdeu uma perna na guerra do Golfo.

Abraço.

4/12/05 20:29  
Blogger legivel said...

Para mulhergorducha:

Estou realmente nas minhas sete quintas: o da inovação... de aves com hábitos estranhos; só me falta inovar uma galinha com o hábito de freira...

Provavelmente estão a treinar para demonstradores de material de uso doméstico... quem sabe o que se passa na cabeça destas aves!

Apanhei a essência mais íntima?! do pombo??? Olha que estou fartinho de olhar a foto e não vejo nada disso que tu afirmas...

Beijos e bom resto de domingo!

4/12/05 20:38  
Blogger legivel said...

Para segurademim:

Não acabou nada! O animal levantou voo em direcção ao Atlântico... um restaurante que há aqui no bairro.

Um top-model perneta ao pé-coxinho, havia de ser original no próximo "Moda-Lisboa".

Depois eu é que invento...

4/12/05 20:44  
Blogger legivel said...

Para bacardiman aka spiritman:

Para o bom esclarecimento
do pombo com uma só pata;
o que é preciso é ter tento
e cuidar com quem se trata.

Cordiais saudações rímicas!

4/12/05 20:50  
Blogger legivel said...

Para manhã:

Ainda bem que ficas mais descansada; eu não posso dizer o mesmo. Acabei (há cerca de uma hora e meia) de fazer cinco quilómetros a correr, para manter a linha; ainda estou de tal maneira a arfar que pareço um gato com gosma...

Ah! e não devo comer fritos...

4/12/05 20:58  
Blogger legivel said...

Para nia:

De ti, só poderia esperar uma dedução brilhante como essa, apoiada evidentemente em aturado estudo laboratorial que deve ter envolvido pelo menos uma equipa de onze elementos equipada a rigor (de vermelho, é óbvio)debruçada horas a fio sobre uma águia-cobaia...

... só depois, é que chegaram á conclusão que era uma pomba. É o costume; entradas de leão, saidas de sendeiro...

Bom resto de domingo!

4/12/05 21:05  
Blogger legivel said...

Para manuel:

Ás pombas nunca dou milho
foi uma lição que aprendi
já dizia o pai ao filho
não te metas num sarilho.

As pombas de papo cheio
só trazem complicações;
dizem coisas que não creio
dão cabo dos corações.*

* Rimas que li no consultório do meu cardiologista.

Abraços

4/12/05 21:49  
Blogger legivel said...

Para joana:

Porque me ri imenso com um comment que deixaste no Bacardi, apanho a deixa:

porque não, tomatada de pombo à espanhola?!

4/12/05 21:54  
Blogger legivel said...

Para bacardi aka spiritman:

Ó pá! Isto é uma curtição! Rouba-nos é um pedaço de tempo, que não é brincadeira e há que ter alguma contenção...
A inspiração há-de vir. Nunca penso muito nisso quando estou a escrever... pois quanto mais penso menos escrevo; digo eu que gosto muito de dizer coisas .

Abraço.

4/12/05 22:01  
Blogger legivel said...

Para a:

"... a pomba já tinha entrado dentro do quarto. Lentamente, libertou-se da última pena que trazia vestida e aproximou-se da cama. O gato olhou-a demoradamente nos olhos e ciciou-lhe ao ouvido «os gajos da câmara municipal querem exterminar-vos; vamo-nos a eles ou eu vou-me a ti?...
(autor anónimo)

Beijo.

4/12/05 22:14  
Blogger legivel said...

Para jpd:

Caro amigo:
Não me leves a mal, mas penso que quererias escrever "...todos os sinais que do seu corpo emana..."...do pombo. E não do meu. Que dele (do meu) estou como o outro que canta:

" dei-te quase tudoooo
quase tudo e foi demaisssssss
trá-la-rá...trá-la-rá...
leva agora os meus sinaisssss
.
É isso; foram-se, voaram. Como o pombo...

Abraço.

4/12/05 22:25  
Blogger legivel said...

Para salsolakali:

Eu sei que estavas a brincar. Que não me imaginas assim; cruel e desumano...

...tenho é de tirar a limpo (ou perceber melhor) porque diabos andas a tentar agendar um encontro do pombo com o teu gato...?!

Beijos e... uma óptima semana!

4/12/05 22:29  
Blogger A.na said...

Ahahahahahahah!!!!
Vamo-nos a eles então!

Terrivelmente...Legivel!

4/12/05 22:43  
Blogger mulhergorducha said...

Legível,

A questão da essência do pombo é mais visível na foto do primeiro artigo sobre o dito animal. Vê-se que conseguiste olhá-lo bem dentro dos olhos.

Se terás captado os pensamentos dele... isso só tu poderás saber. Eu limito-me a especular.

Tem uma óptima semana

Beijinhos

4/12/05 23:01  
Blogger Lia C said...

Agora morar em casa de um pombo?! Nem no Pombal residi. Pois, nem presisavas... basta morares nas nuvens, que é lá que os pombos moram quando não estão no pombal. Moras na nuvem desse pombo, garanto-te, e contra isso nada podes dizer: os factos que são as fotos são prova evidente do que afirmo.

(Isso não é um detergente ou tira-nódoas?!) Não, isso é o presto-e-você-acredita-nos-glutões?. Claro que acredito, eu... e o pobre do pombo a esta hora deve ter a certeza.

Beijos, pois então!

4/12/05 23:17  
Blogger batista filho said...

Meu amigo, não tem jeito: cético é cético! Tanto faz publicares mais outra ou dezenas de fotos... quem achar que ataste os pés do primeiro pombo, realmente pode achar que amputaste um pé desse, não é mesmo?
Solução solução acho que não existe... e como já disseram que "para o que não tem remédio remediado está", talvez seja o caso de combinares com o dito pombo exibicionista data e hora marcadas... avisa-nos com tempo para que possamos apreciar a sessão de fotos, percebes?... mas tens de avisar com tempo MESMO!... como vou remando...

5/12/05 00:52  
Blogger amok_she said...

...pois, mas...o meu 'mau-estar' era mais assim a modos q...metafisico!:->

5/12/05 00:58  
Blogger JL said...

Legível,

Gostei dessa resposta. Desarmou-me!
Boa semana e continuação de bom humor!

5/12/05 01:05  
Blogger legivel said...

Para :

"a", "mulhergorducha", "lia c", "amok_she" e "jl" (por ordem de entrada), porque hoje tenho o meu tempo mais que contado, é impossível reponder às vossas réplicas. Mas que gostei, gostei. Aliás, sem vocês este blog era uma monotonia.
Beijinhos e abraço.

O Batista Filho tem comment "personalizado porque ainda não tinha entrado nos comments.

5/12/05 12:07  
Blogger Azul said...

Caro Legível. Venho agradecer-lhe a visita descomprometida que fez ao meu lugar de escrita e reflexão. Agredeço-lhe o comnetário elogioso que me deixou, e, num gesto de retribuição, cá me encontro a lê-lo também. Segundo percebo, tem um blog recente, mas que me parece estar bastante interessante. Voltarei para ler com toda atenção o que for escrevendo por aqui. Está já na minha lista de Links. Até breve. Um abraço para si. Azul.

5/12/05 12:20  
Blogger legivel said...

Para batista filho:

Tens razão! Só com o acontecimento ao vivo e a cores.
Melhor ainda; vou convidar os mais descrentes para um jantar, fazendo-me acompanhar pelo tal pombo...

...perdão; pelo arroz de pombo!

Abraço.

5/12/05 19:15  
Blogger legivel said...

Para amok_she:

Apesar de tempo me escassear e voltar com a palavra atrás no que respeita a quem comentou pela segunda vez (espero que o resto do pessoal não me chame aldrabão...), não resisto a este teu comment.

Também acho que sim; meter o físico em sítios menos próprios, pode causar mau-estar...

5/12/05 19:22  
Blogger legivel said...

Para azul:

Cara Azul:
O seu gesto retributivo, da visita que fiz ao seu bolg, calou bem fundo ao proprietário deste modesto espaço.
É verdade; este blog está quase a fazer seis meses (é ainda uma criança...) e nestas idades, tudo ou quase tudo nos é perdoado.
Por meu lado, também irei visitando o seu blog de escrita e reflexão com a regularidade que a vida me permitir.
Gostei de me saber na sua lista de links...
... não tem comparação com essa lista que o actual executivo anda a prometer para o ano: a dos cidadãos que não cumprem as suas obrigações fiscais.
Um respeitoso abraço para si, também.

Legível.

5/12/05 19:37  
Blogger  said...

Bem se o Sr. Pombo se chamasse José Intruso, o que te chamaria ele...que o fotografas?:)

5/12/05 20:10  
Blogger sotavento said...

:)

5/12/05 20:57  
Blogger legivel said...

Para sotavento:

:)

6/12/05 11:37  
Blogger Kiau Liang said...

è verdadeiramente um remake, mas de um livro chamado A POMBA

Um livro simpático sim senhor.... fico mais preocupada com a acusação de plágio, do que a com a acusação de maus tratos animais...:)

Obrigada pela visita

6/12/05 15:50  
Blogger legivel said...

Para kiau liang:

Detesto plagiar-me a mim próprio.
De qualquer forma, a minha advogada é... cheia de recursos.

De nada. Quando vejo algo interessante leio e assino; legivelmente...

6/12/05 17:14  
Blogger amok_she said...

'... Também acho que sim; meter o físico em sítios menos próprios, pode causar mau-estar...

11:22 AM


...ora vês, como até percebes da poda...?!?:->

6/12/05 23:00  
Blogger legivel said...

Para amok_she:

Da poda*; assim mesmo. Sem substituição malévola da primeira consoante, por outra qualquermenos própria, que a metafísica quere-se digna & clara.

* Vindimar para depois beber é o ex-libris do meu brasão...

7/12/05 09:49  
Blogger amok_she said...

* Vindimar para depois beber é o ex-libris do meu brasão...

...mas era... exactamente!!! ...isso!!!...qt mt ñ faria substituição, antes acrescentaria um h, mas...o malévolo ñ esteve em mim...nunca, jamais, em tempo algum!!!...juro!:->

8/12/05 00:45  
Blogger legivel said...

Para amok_she:

Na qualidade ambivalente
de tanto ter de ateu como de crente,

acredito-te... piamente.

8/12/05 12:24  
Blogger amok_she said...

...e ai de ti q ñ a'creditasses!!!;-)))

9/12/05 14:17  
Blogger legivel said...

Para amok_she:

Não há contradita possível em relação a isto...

... olha pra mim a tremerrererrr! de medo.

10/12/05 19:20  
Blogger amok_she said...

...ñ é preciso q tremas...podes ter medo sem tremer! tesss...tesss

;-)

10/12/05 21:24  

Post a Comment

<< Home