Tuesday, December 27, 2005

ARGÚCIA



















porque sou tão absolutamente arguto?
interrogo-me sem esperar pela resposta
que o que se expele deste genial cocuruto,
não é matéria que se ponha assim à mostra.
questionar-me não é mais que uma rotina;
é como untar a frigideira com margarina,
é sobretudo dar o dito por não dito
e consciente, mandar fritar o piriquito.

... AS BATATAS FRITAS DEMORAM MUITO ??????

...............................................................................

Em vinte e sete de Dezembro de dois mil e três editei o meu primeiro post na blogsfera. Sem interrupções de vulto -apenas aquelas que aos momentos de lazer dizem respeito, cheguei até aqui, fazendo das minhas palavras momentos de imenso prazer pessoal e procurando com elas estabelecer possíveis pontes dialogantes com aqueles que me foram visitando. Retribuí a todos de igual modo, procurando não preferenciar nenhum, porque não faço deste sítio (ou de outros em que eventualmente me envolva), locais de competição ou de afirmação pessoal; apenas de puro entretenimento. Em meados deste ano que agora finda, "mudei de nome... virtual". Porque "a vida é feita de mudança" e porque entendo que a recriação deve alargar horizontes a outras paragens e a outras gentes. Sem esquecer os que me acompanharam desde sempre.
O post de hoje, foi seleccionado (a meu gosto e tempero), de entre outros que fui editando antes do Papel de Fantasia e é a primeira repetição que faço desde que estou na blogsfera.
Foto de: Alberto Oliveira.

38 Comments:

Blogger sotavento said...

Um terço do "post" de hoje, queres tu dizer!...
(Não, não estou a falar de rezas!... :))

27/12/05 12:57  
Blogger SalsolaKali said...

...primeiro vieram os pombos...
Depois os periquitos...
Não quero saber mais.

Olha, quanto à margarina parece um cavalo de perfil, daqueles do xadrez... será que a seguir passamos das aves para os equinos?

27/12/05 13:28  
Blogger  said...

A tua "definião" deste espaço que partilhamos é muito...certa!

Bom Ano legível!

27/12/05 15:39  
Blogger I said...

sempre à volta do fogão
que para fazer amizades
nada como uma bela refeição!


pois que ha intima união
(já a minha avó dizia)
entre o estomago e o coração

caramba! e não é que consegui?
fiz uma "coisa "a rimar!!!!!!!!
vou ja fazer um arroz doci
para este evento celebrar

quando estou um bocadinho triste
o meu amigo legivel venho ler
é o mais bem disposto que existe
na blogosfera, fiquem a saber!



(atenção: a métrica está um vómito , tenho consciência disso , mas sou principiante)

27/12/05 15:42  
Blogger Joana said...

Ora bem! Pode ser repetição mas a mim é novinho que nem uma folha!
E é um mimo!
beijinho.

Olha rimou (mal e porcamente, mas rimou!)

27/12/05 17:27  
Blogger JL said...

Bem vindo de novo. Podem ter sido curtas essas férias mas foram retemperadoras. Pelos vistos vem com muita vontade de trabalhar. E logo agarrado a tachos, panelas e sertãs. Sim, na minha terra também lhe damos esse nome :-)

27/12/05 18:58  
Blogger lélé said...

Bem vindo, Legível e parabéns pelos 2 anos deste teu blog (foi o blog que mudou de nome ou foste tu?).
Quanto a este post... quem é que faz do untar a frigideira com margarina uma rotina?

27/12/05 22:57  
Blogger A.na said...

Deixas-me o dito
por não dito...E dentro
desta tanta,tua,astúcia de
quem diz que o que deixas
foi mal dito...só te posso
escrever com sagaz subtileza
o meu Bravo por todas as coisas
que que por cá tens deixado nestes 2 anos.E corrijo...
tudo muito bem dito,
tudo muito bem escrito!!

Abraços amigo.

27/12/05 23:48  
Blogger Vodka e Valium 10 said...

Isso da repetição
É muito pouco original
Levanta o cú do cadeirão
E escreve algo virginal

Porque o menino nasceu gruta
E a mãezinha era virgem
Alimentou-se de uma truta
Para não estragar a rima.

28/12/05 00:10  
Blogger Seila said...

Há um ano comemorei o 1º aniversário registando assim.
Continuei a ler os textos, inconfundíveis, do... Legível.
Hoje digo apenas bem hajas pelo que escreves com muitas destas

28/12/05 02:36  
Blogger segurademim said...

PARABÉNNNNS!!!!! dois anos de blogsfera é obra! notável...

És um exemplo de resistência Legível, etc, etc, etc, etc
isto deve dar-te muito gosto, pois claro!

Também aprecio quem tem resistência suficiente para te acompanhar nesta alucinante viagem, parabéns também para os amigos, companheiros, camaradas, (post da Sotavento),com letra do Sérgio Godinho nestes colectivos pequenos nadas, que pelos vistos dão alento nos dias difíceis e alegria nos de loucura destravada...

Voltando ao post, parece
o caldeirão do joão ratão!
boca grande, com unto de leão
(só para mudar de bichos
- de aves para mamíferos...)

BEIJO ;)

28/12/05 09:46  
Blogger Phi@ said...

dói.me esperar por algo que não passou do dito pelo não dito...dói.me saber que nada representou...dói.me sentir o esquecimento...dói.me esperar mais ainda por o que não vai acontecer...desepero e não alcanço...porra po nível do colesterol que não me deixa comer batatas fritas...bxox

28/12/05 10:30  
Blogger mulhergorducha said...

Caro legível,

Pois este post para mim é novo, o que quer dizer que nunca o tinha lido. Em breves linhas dizes coisas que acho muito pertinentes e importantes. A tua sagacidade de espírito é notável. E o teu questionar é...algo de nem sei como qualificar, até porque parece que as rotinas diárias, a rapidez do dia-a-dia vão fazendo com que percamos essa capacidade de questionar.

Espero que tenhas um excelente 2006 e, de preferência, sempre a partilhar as pérolas que vais escrevendo.

Um beijo imenso não só para ti, mas também extensível ao Deodato e restantes amigos

28/12/05 16:59  
Blogger Rui said...

Que a argúcia se prolongue.
Bom ano.

28/12/05 17:58  
Blogger JPD said...

Acho o poema uma delícia.

QUERO TAMBÉM FELICITAR-TE PELA EXTRAORDINÁRIA QUALIDADE DOS TEUS TEXTOS E ESPERAR LONGEVIDADE.

NÃO DUVIDO QUE CUMPRIRÁS.

Um grande abraço

28/12/05 21:33  
Blogger Calvin said...

É pá... e eu tenho andado distraído... com uma qualidade de textos assim tão legível... só eu posso ser cego.

Bem haja.

29/12/05 09:59  
Blogger legivel said...

Para sotavento:

Tens razão; é efectivamente um terço (mais coisa menos coisa) pois falta-lhe a prosa que acompanhava o poema.
Penitência de cinco padres-nossos pelo esquecimento.

29/12/05 21:23  
Blogger legivel said...

Para salsolakali:

Fazes bem em não querer saber!...

... porque depois dos pombos (ainda tenho mais um para editar) estou a pensar em ouriços, equídeos e... equinócios.

O Zoo de Lisboa sente-se um parente pobre ao pé do meu stock de animalejos estranhos.

Beijos.

29/12/05 21:31  
Blogger legivel said...

Para pé:

Não se pode dizer que eu não tento...

Igualmente PÉ!

29/12/05 21:33  
Blogger legivel said...

Para i&c:

A minha amiga i & cê
desta vez rimou à séria
só não sabe quem não lê
se passa naquela artéria

que parte do coração
e que se chama aorta
p´ra comer uma refeição
é só bater lá à porta.

quem gostar de arroz-doce
não tem nada que saber
só tem de curar a tosse*
e o seu blog vá ler...

* Para quem estiver constipado, claro.

Vómito?! Ah! mulher humilde!! Com essas rimas já pertences à grande família rimística-ó-blogsférica.

29/12/05 21:49  
Blogger legivel said...

Para joana:

Sempre simpática, a minha amiga Joana!

"rimou mal e porcamente. ahahahahahaha

Beijinho.

29/12/05 21:54  
Blogger legivel said...

Para jl:

Retemperadoras, foram; mas não chegaram para me retemperar totalmente. O bronzeado ainda não está da cor que pretendo...

Na terra da minha mãe, também se chamavam assim: sertãs.

29/12/05 21:58  
Blogger legivel said...

Para lélé:

Obrigado!
Mudaram os dois; o nome do blog e o nick-name. Eu não; estou na mesma ou ainda pior...

Raramente cozinho; mas há tanta gente a fazê-lo, que já se torna uma rotina.

29/12/05 22:03  
Blogger legivel said...

Para a. :

Até parecem as cantigas ao desafio! Mas hoje apanhas-me pouco inspirado... Tenho dias...

Abraço amigo.

29/12/05 22:05  
Blogger legivel said...

Para vodka e valium 10:

Do cadeirão me levantei
e o cú lá veio atrás;
pois ainda agora não sei
se de escrever sou capaz

algo de tão original
como o feijão com gorgulho;
talvez lá p´ró carnaval
escreva em papel d´embrulho.

29/12/05 22:18  
Blogger legivel said...

Para seila:

Eu sei que tens bom gosto, mas não exageres. Embora mais sábio, porque mais velho dois anos, estou menos impulsivo. E quando se medem as palavras (ou a métrica?) as ditas já têm um colorido diferente...
Obrigado.

29/12/05 22:26  
Blogger legivel said...

Para segurademim:

Obrigado!
Claro que me dá gosto e gozo, de contrário não o faria; detesto escrever por obrigação.
É evidente que os companheiros de rota também têm grandes responsabilidades naquilo que chamas resistência e que eu prefiro denominar de naturalidade. Porque é assim que estou aqui; naturalmente.
Também tu com rimas com unto de leão lá dentro?! Cheira-me a provocação...

29/12/05 22:36  
Blogger legivel said...

Para phi@:

Mas que é que te disse que eu ia fritar batatas?!
Está descansada (e o teu colesterol também) que a frigideira foi só para a fotografia...
Kisses.

29/12/05 22:38  
Blogger legivel said...

Para mulhergorducha:

O Deodato, ainda uma vez por outra, me assalta o pensamento, por isso o referenciei e porque foi o elo de ligação neste nosso conhecimento virtual. Os outros já se vão distanciando no tempo... ainda tão recente, mas tempo.

Também espero o mesmo para ti;um dois mil e seis a teu gosto e que te continues a questionar... como tu sabes fazer.
Beijo grande.

29/12/05 22:48  
Blogger legivel said...

Para rui:

Veremos se sim; vou fazer por isso.

Um bom ano também!

29/12/05 22:50  
Blogger legivel said...

Para jpd:

Caro José:
Cumprir, cumprir, eu quero. Mas ainda não sei como vou fazê-lo. Mas o melhor é esperar pela chegada de 2006 para depois me debruçar melhor sobre o assunto.

Abração.

29/12/05 22:55  
Blogger legivel said...

Para calvin:

Obrigado mas nada de exageros... que não me quero tornar responsavel por um problema óptico.

Bem vindo.

29/12/05 22:57  
Blogger manhã said...

Mantém humor em 2006. Beijos. Bom ano!

30/12/05 10:48  
Blogger @ said...

Ás vezes é necessário repetir, de preferência coisas boas como foi o caso.

Parabéns pelos 2 anos a Blogar.

30/12/05 12:46  
Blogger legivel said...

Para manhã:

Se nada de anormal se passar, farei os possíveis...
Tudo de bom para ti em dois mil e seis. Beijos.

30/12/05 15:35  
Blogger legivel said...

Para @:

Foi uma um impulso que me deu...: não gosto de repetir.
Obrigado!

30/12/05 15:38  
Blogger Armando S. Sousa said...

É uma eternidade, dois anos a postar. Felizmente que és persistente.
Só desejo que continues a comemorar esta data, por muito tempo.

Como estamos no fim do ano, desejo-te um excelente fim de ano e que 2006 seja o ano de todas as tuas realizações pessoais.
Feliz Ano Novo.
Um abraço.
PS. Deixei uma pequena mensagem de fim de ano lá no meu tasco.

30/12/05 16:53  
Blogger legivel said...

Para armando ésse:

Gostaria de poder continuar até ao final do ano de... dois mil e cinquenta e depois, sim; arrumara as chuteiras. Mas acho que não vai ser possível... com pena minha.

Para já, agradeço e retribuo os teus votos. Que dois mil e seis possa ser um pouco melhor que o ano que agora finda.

Abraço.

30/12/05 20:29  

Post a Comment

<< Home