Wednesday, October 19, 2005

A CONFISSÃO

Admito, porque me considero pessoa com as mangas do casaco vazias de truques, que me é extremamente doloroso confessar algo que tenha cometido (ou apenas congeminado... que é igualmente grave), de pecaminoso e que de tal sorte, tenha prejudicado alguém. Na verdade, não é fácil dizer de viva voz, errei!. É bem mais cómodo esquadrinhar armários e gavetas em busca de alibis as mais das vezes inconsistentes, mas que, com um vocábulo pomposo ali, uma frase oca de sentido, mas de belo efeito literário acolá, surtam o efeito desejado; ou seja: obstáculo inibidor ultrapassado. Ou então, copiar exemplos (e deles estamos empanturrados até ao cocuruto!), de onde o exemplo moral e cívico devia ser a palavra de ordem. Daí, das notáveis e públicas figuras aos insígnes e ilustres figurões, não faltam argumentos para afirmar convicta e solenemente, por exemplo: «Não errei. A conjuntura actual é que não me foi favorável
Não é fácil, mas mais difícil, foi chegar até este parágrafo. Agora já não há retrocesso possível. Assumo e lamento publicamente, que hoje de manhã ao aceder ao pedido de mostrar o meu título de transporte ao funcionário da CP (que eu sei ter um problema de visão), lhe tenha exibido o cartão de contribuinte e ele me tenha agradecido e desejado uma boa viagem.

46 Comments:

Blogger sonia said...

eheheheheh. coitado do senhor revisor.

18/10/05 20:44  
Blogger  said...

olhou para ti e achou que tinhas um ar tão...legivel...que não foi preciso olhar com mais atenção para o passe/bilhete!

18/10/05 21:16  
Blogger JPD said...

Queres acreditar que cheguei a pensar que o empregado da CP ao ver o Cartão de Contribuinte terá vislumbrado, em vez da tua identificação fiscal uma legenda, breve, singela, porém, perene de significado: «O REEMBOLSO DESTE CAVALHEIRO ESTÁ EMBARGADO. NÃO LHE PEÇA O BILHETE. SERÁ DESCONTADO!» e eles foram em paz pois a fiscalidade acompanhava-os.
Um abração

18/10/05 22:16  
Blogger Dinis CorteReal said...

É pá já me aconteceu uma parecida. Em 96 morava na Amadora e como lógico andar de comboio e mostrar o passe ao revisor era o meu dia-a-dia. Só que um belo dia quando segui rumo a Caxarias (na linha do norte) apareceu o revisor e, destraído, mostrei-lhe o passe L1... e não é que o gajo desatou a rir! Por acaso tinha bilhete... mas ele não aceitou o passe. Tiveste mais sorte que eu!

18/10/05 22:51  
Blogger I said...

Amigo Legível, muito obrigada por me dar a conhecer Laura Cem Fuegos, a poetisa luso-mexicana. Não conheço nada dela , exceptuando a pequena quadra que me deixou no Dunas. Vou ver se encontro mais coisas dela para assim a conhecer melhor .
Acerca do post de hoje, um amigo meu contou-me uma pequena historia verdadeira passada há já uns anos, em que um camarada seu de tropa, homem de grande inteligencia, costumava dizer acerca dos que muito falavam , dizendo muito pouco:ISSO SÃO PALAVRAS BALOFAS ATIRADAS DE JANELAS ENGALANADAS à CONSCIÊNCIA EMPEDRENIDA DAS MASSAS" ....fabuloso , não é?penso que esta frase seria mesmo da sua autoria , mas não tenho a certeza.

Quanto à conjuntura...tem as costas tão largas!!

:-)

18/10/05 23:49  
Blogger a said...

Não foi bonito não senhor!

19/10/05 00:53  
Blogger UGAJU said...

Tentei o mesmo nas Finanças, entreguei vários bilhetes da CP mas eles não me agradeceram, penhoram-me!

19/10/05 02:31  
Blogger SalsolaKali said...

E levantar dinheiro com o cartão de “picar o ponto”?
Ah pois é! Eu a querer enganar a máquina! Sim, pq eu insisti, e não percebia pq é que ela me mandava o cartão para fora.
Ela ficou-me com ele. Imagina a minha cara quando no dia seguinte fui ao banco pedir o cartão de multibanco...

19/10/05 09:15  
Blogger segurademim said...

Olha... do que te foste lembrar, pois é! e pensas que és só tu?...
Eles, os decisores, deitaram mão às novas tecnologias: portas fechadas no metro, torniquetes no barco, passe sem contacto nos autocarros ...
Conclusão: gastaram uma pipa de massa a um país pobre, para depois tais zingarelhos não servirem para nada... é ver o pessoal a entrar e sair no metro nas estações onde há uma porta aberta; nos barcos os não pagantes entram pelo lado dos carros; e nos autocarros mostra-se à máquina o cartão de contribuinte, um bocadinho mais acima do validador que é para ele não chiar!!!
Entretanto, dispensaram-se cobradores, revisores, picas - o novo sistema era seguro!! , admitiram-se engenheiros, gestores, matemáticos, para o manter,gerir,coordenar ... gente muito eficiente e de cartão ...

Moral da história: a fraude disparou, há 10 anos era de 2 / 3% hoje de 20 / 30%

As empresas redimensionaram-se! temos mais desempregados, mas foram muitos dirigentes a bruxelas, lion, frankfurt... analisar sistemas identicos e visitar fornecedores!!! estamos na boa - alinhados com os mais desenvolvidos da europa!!!

PERGUNTAS TU: E OS PRIVADOS?
RESPONDO EU: não têm essas modernices... pensas que querem perder dinheiro? :) :)

19/10/05 09:54  
Blogger PP said...

É por essas e por outras que eu adormeço assim que entro no comboio e deixo o bilhete, assim como não quer a coisa, no tabuleirozinho do banco da frente. O revisor chega, silenciosamente, nunca me acordou o bom do homem, verifica o bilhete e vai embora.
Ou isso, ou não passa revisor nenhum, porque como vou a dormir, a verdade é não dou por nada!!

19/10/05 10:27  
Blogger Spiritman aka Bacardiman said...

Neste caso não direi... com a verdade me enganas, mas sim... enganas-me com a verdade.
O teu texto são dois em um, quero dizer... onde se lê "Assumo..." começa a falar uma outra personalidade... (risos!)

Abraço mixed by Whisky

19/10/05 13:01  
Blogger m.btfly said...

Errar...iludir...omitir...
Admitir...assumir...concretizar...
Estás no bom caminho humano de uma boa viagem...
H&Kss ;)

19/10/05 13:34  
Blogger Armando S. Sousa said...

A realidade é que com os prejuízos sucessivamente acumulados pela CP, que nos sai directamente dos nossos bolsos a exibição do cartão de contribuinte deveria dar direito a andar de comboio sem pagar.
Era justo, afinal de contas pagamos duas vezes.
Um abraço.

19/10/05 15:42  
Blogger sotavento said...

Ó pá, isso nem fotografia tem!... :)

19/10/05 19:13  
Blogger musqueteira said...

Viva Legivel,
Fiquei a pensar... que o nosso cartão de contribuinte deveria ter também uma fotografia... Será que... os do outro continente na realidade têm razão?!... Apenas um cartão... com toda a identificação compactada através de digitos tecnológicos... com apitos sonoros... que soam sempre que haja uma determinada infracção... Deve ser essa a melhor medida... para "A confissão"!

19/10/05 22:27  
Blogger batista filho said...

Às vezes tenho dúvida se falas de Portugal ou do Brasil...

20/10/05 02:35  
Blogger legivel said...

Para sónia:

É boa pessoa mas vê muito mal; outro dia enganou-se no combóio onde ia iniciar o serviço. Em vez do suburbano, meteu-se no alfa. Só parou no Oriente; creio que em Macau...

Beijinhos.

20/10/05 19:24  
Blogger legivel said...

Para pé:

É verdade; o meu ar desarma qualquer um. Por esse facto, quando fiz a tropa (estive na guerra dos cem dias e uma semana*) mandavam-me sempre para a primeira linha para desarmar o inimigo...

* Para compensar os feriados com "pontes"...

20/10/05 19:30  
Blogger legivel said...

Para jpd:

Sabe-se lá se não estarás a antecipar uma época em que tal venha a acontecer?!

Abração.

20/10/05 19:32  
Blogger legivel said...

Para dinis corte real:

É pá! não exageremos!! Criativo sou eu e não crio tanto...* Não tarda nada, estão para aqui a afirmar que entraram num avião da TAP e pediram um bilhete para o Cacém...


*Estou a brincar; acredito piamente na tua história...com muito poucas reservas...

20/10/05 19:37  
Blogger legivel said...

Para i&c:

Garantidamente a Laura merecia mais dos portugueses. Mas o que se há-de fazer? Vê lá o que se passa comigo: esfalfo-me a escrever, a escrever (e alguns textos são mesmo pérolas*...) e apenas uma vez alguém me disse muito a medo que o meu nome estava indigitado para um prémio de carreira. E não é que ganhei?!
Um passe de borla, durante uma semana na carreira de autocarros número 44; do Cais de Sodré para Moscavide e retorno....

É evidente que uma história contada por um amigo teu, só poderia se verdadeira e fabulosa (espero não estar a arrajar aqui um trinta e um com uma dialogante que muito prezo...); mas é mesmo uma frase divinal! "janelas engalanadas"!! Quem sabe se não seria por altura da procissão da senhora da saúde?!

A conjuntura tem as costas largas, sim senhora! Até só veste na Teresa Miró...


* Já fiz alguns prints de posts e mostrei-os em diversas ourivesarias; todos me torceram o nariz; «Isso são pérolas de cultura; não valem nada...»

20/10/05 19:54  
Blogger legivel said...

Para enquanto eu não volto:

Ao tempo que estou à tua espera, bem deves ter ido comprar tabaco e só apareceres vinte anos depois...

20/10/05 19:57  
Blogger legivel said...

Para ugaju:

Outro! "isto pega-se"! É a ver quem é o maior pescador...Deve ser qualquer concurso pró guiness...

20/10/05 19:59  
Blogger legivel said...

Para salsolakali:

(Desta vez escrevi o nick-name de uma assentada!!)

E na tua ocupação profissional, meteste o multibanco na máquina de picar o ponto e ela pagou-te o décimo terceiro mês de 2006 e as férias de 2007?!

Há equívocos que calham mesmo bem...

20/10/05 20:04  
Blogger legivel said...

Para segurademim:

Sem qualquer ponta de ironia, tenho de te dizer que já estava cá a fazer falta quem comentasse com tanta segurança e conhecimento de causa!
O país precisa de pessoas esclarecidas e actuantes. E pergunto eu: «onde se encontram elas?!» e respondo a mim próprio: «aqui. Neste blog!»
É verdade e sem falsas modéstias, que neste sítio e neste post, reuniram-se pessoas a cogitar sentenças de tal sorte, que poderiam perfeitamente formar governo, sem a menor sombra de dúvidas! Portugal estaria salvo.
E tu, naturalmente, serias a ministra dos transportes...

20/10/05 20:15  
Blogger legivel said...

Para algodão:

Essa linha onde viajas deve ser muito bem frequentada; então adormeces, deixas o título de transporte à tua frente e prontos!!


Havias de viajar na linha de Sintra!!...

20/10/05 20:20  
Blogger legivel said...

Para bakardiman aka spiritman:

Tu percebes disto a potes! Parece que me lês a alma homem!
Tenho de ter algum cuidado contigo, aqui nestes escritos.

Agora sou o "dois em um"! Onde é que terei o código de barras...?!

20/10/05 20:42  
Blogger legivel said...

Para m.btfly:

E espero bem que seja uma viagem longa ; com bastantes anos pela frente, independentemente do número de estações...

Beijos.

20/10/05 20:44  
Blogger legivel said...

Para armando ésse:

..."de combóio sem pagar?!. "Eles" até nos deviam levar ao colo...ou às cavalitas, de tal modo lhes enchemos os bolsos!
(Estes comments hoje estão a ficar politicamente correctos...)

Eu não me importava nada de ir às cavalitas do ministro-adjunto. Ele ia-me buscar a casa eu montava-me nele e pedia-lhe «Leve-me ao Marquês de Pombal! E dê corda aos sapatos que estou atrasado!»

Abraço.

20/10/05 20:53  
Blogger legivel said...

Para sotavento:

Para te rires na cara do pobre trabalhador...ou da minha?!

(ainda há quem diga que sou uma boa alma...)

20/10/05 20:55  
Blogger legivel said...

Para batista filho:

Não há qualquer dúvida. O idioma até é o mesmo...

20/10/05 21:01  
Blogger Pyny said...

Fantástico. 32, digo 33 comentários?

Comentário ridiculo não? :P

20/10/05 21:27  
Blogger concha said...

Fantástico!
Será por tua culpa que a CP está como está?
Beijinhos

20/10/05 21:31  
Blogger legivel said...

Para pyny:

O teu comment está matemáticamente correcto. Mais; define-te como pessoa de boas contas.

20/10/05 21:53  
Blogger legivel said...

Para Concha:

Fantástico!!...ter de admitir que também dou uma ajuda nos cofres da companhia. Até estou corado...

Beijinhos.

20/10/05 21:55  
Blogger manhã said...

Como sempre, completamente inverosímil! Apuras o 'non sense'!

20/10/05 21:59  
Blogger legivel said...

Para musqueteira:

Viva musqueteira!
Lamentavelmente o meu comment de resposta ao teu (o dos apitos...) saiu com o destinatário incorrecto. Daí tê-lo deletado e "sair fora de ordem".

Boa! um cartão com apitos; género árbitro de futebol.
Passe social inválido: um apito. Fora de jogo!
cartão de crédito sem provimento: dois apitos. Grande penalidade!
Bilhete de Identidade rasurado: três apitos. Expulsão.

20/10/05 22:44  
Blogger legivel said...

Para manhã:

Vai-se praticando, praticando. É como cozinhar uma caldeirada. Além do peixe (elemento essencial) se não fôr o apuro, está o caldo entornado...

20/10/05 22:48  
Blogger Joana said...

por motivos alheios à minha vontade não posso comentar este post...
venha o próximo!...

21/10/05 11:28  
Blogger legivel said...

Para joana:

Como eu te percebo!?
Eu é mais "por motivos alheiras ao meu apetite...".

O próximo sái hoje. Sobre o que trata, e a que horas é que não sei; mas alguma coisa se há-de arranjar...

21/10/05 13:58  
Blogger SalsolaKali said...

Eh pá!
Não experimentei!
Nem me tinha lembrado disso.
Eu depois digo-te se funcionou.

21/10/05 14:11  
Blogger legivel said...

Para salsolakali:

Não te garanto nada ehn?!

Quando tentei esta cena descontaram-me um dia no vencimento...

21/10/05 14:17  
Blogger Nia said...

Às vezes há "points of no return" como o Fantasminha da Ópera diz.
Eu uma vez no lugar do passe, mostrei a foto do meu namorado que estava lá escarrapachada na carteira , no lado oposto do passe.
Corei quando dei pelo engano...Ainda bem que ele estava vestidinho.
E o condutor...ainda bem que não devia ser gay (não tenho nada contra!!)porque assim não nos espetámos contra o cabaz da fruta naquela rua onde exibem na montra sapatos e maçãs...produtos devidamente separados e identificados é claro, porque...é melhor ficar por aqui porque já nem sei o que ia a dizer.

22/10/05 12:06  
Blogger legivel said...

Para nia:

O "Fantasminha da Ópera", o "condutor que não é gay" e as "montras das lojas dos sapatos e as maçâs devidamente separadas..." . Só podia! É o menú completo...

25/10/05 13:57  
Blogger Rui said...

Vou dar o link do post ao meu contacto na cp, vai ajudar à causa. Se tiveres curiosidade em saber uns detalhes sobre as últimas acções de fiscalização na Linha de Sintra, visita: http://www.lxrossio.blogspot.com
Parabéns pelo Blog. Muito bom.

28/10/05 11:58  
Blogger legivel said...

Para rui:

Calhou vir aqui, confirmar um comment e ler o teu ...
Obrigado pela visita e pelo endereço da CP...

28/10/05 15:04  

Post a Comment

<< Home