Friday, May 15, 2009

PRENUNCIAR O FIM










É mais fácil descobrir uma agulha num palheiro que anunciar com exactidão o fim de qualquer coisa. Por exemplo, o último acordo ortográfico luso-brasileiro decretou que a palavra exactidão se passe a escrever exatidão . Mas quanto tempo decorrerá exactamente até que o último defensor de uma grafia que aprendeu a amar desde tenra idade, se fine? E o Mundo (assim era designado o planeta Terra pelos menos letrados na altura em que abri os olhos para esse mesmo Mundo) quando acaba? O "Mundo" tem sobrevivido àqueles que ao longo dos tempos foram anunciando o seu fim, chegando ao cúmulo de vaticinar o dia certo... Quem pode afirmar com convicção que o Futebol Clube do Porto será enfim vice-campeão da Liga na próxima época ou que Cordélia e Afrânio, meus vizinhos do sexto andar, ponham um ponto final na sua infernal relação que se arrasta há quarenta penosos anos, no dia tantos do mês tal? "E a crise? o seu fim tem data marcada?" perguntarão vocês, estimados leitores das minhas humildes letras, tentando simpaticamente descortinar "... quando é que, finalmente, editas um texto-do-teu-sentir em vez de mandares recados pelas tuas personagens?" Quem se atreve a prever o fim de uma crise que nem sequer afectou alguns e sempre tem vivido paredes meias com muitos? ou que, a fantasia pode ter limites e o fim de qualquer coisa pode muito bem ser o início de outra, não é verdade? respondo eu com outras tantas questões que não esclarecem coisíssima nenhuma e tendo sempre presente que o fim pode chegar em qualquer momento quando, por princípio, menos se espera por ele.
....................................................................................................
Legível leu e releu o texto, nem sequer se preocupou com a ortografia e disse para com ele "Com isto acaba-se de uma vez por todas com dúvidas e especulações e já posso dormir descansado. Quer dizer, quando fôr horas disso... "
.................................................................................................
... e para ter outros fins em vista sugere-se a visita a http://www.minguante.com/?pag=entrada. A entrada é grátis todos os dias da semana: úteis e inúteis.

2009. Foto e texto de Alberto Oliveira.

42 Comments:

Blogger lilipat2008 said...

O fim de qualquer coisa traz sempre o início de outra...quanto à fantasia, não, esta não tem limites nem fim...pelo menos é o que me diz esta minha tenra idade...:)

bjitos

15/5/09 22:47  
Blogger Ruela said...

BRAVO!!!





Abraço.

15/5/09 23:45  
Blogger alice said...

:) é impossível não sorrir ao ler. és um fabuloso cronista, legível. o meu abraço.

16/5/09 00:06  
Blogger Joana said...

... Estava aqui a pensar, e se mandassemos "quem gosta de anunciar o fim" para a aquele solário para os que sofrem das articulações? Pode ser que também lhes fizesse bem!
:)

p.s. acho que te esqueceste de referir aqueles canais tv que andam meses a anunciar os últimos episódios de uma telenovela que nunca mais acaba!

16/5/09 10:53  
Blogger L.Reis said...

...fizeste-me lembrar aquele senhor que, na sua infinita sabedoria, respondeu a uma determinada pergunta de um entrevistador : "Ainda bem que me fez essa pergunta, na medida em que eu também não lhe sei responder" Aposto que também os dois dormiram muito mais descansados, esclarecidos e sem dúvidas. Eu, por outro lado, já vou ter as minhas dificuldades...e se, de repente, houver qualquer coisa que acabe ou começe e me apanha a dormir???

16/5/09 22:49  
Blogger Fragmentos Betty Martins said...

.________querido Alberto



com o teu "humor" vais dando "dentadas" onde é preciso_____e bem-preciso. à laia de "aCto.cirúrgico"


_____pois que viva a FANTASIA!!! a ela____não se impõe limites:=)




.excelente - como sempre






______________///









beijO_____ternO
bFsemana

17/5/09 00:51  
OpenID samartaime said...

Já estava preocupada com o circulo de giz arrastado mas vejo que resolveste, apenas, passar à forma de elipse. Fica-te bem a nova decoração!

17/5/09 10:17  
Blogger samartaime said...

Aquela ali de cima sou eu, embora vá dar a outro sitio.
Eu e a guerra do google!
Vamos lá ver se agora sai certo.

17/5/09 10:23  
Blogger samartaime said...

Que tal?

17/5/09 10:28  
Blogger samartaime said...

E o raça da pilantra que não aparece!

17/5/09 10:32  
Blogger tulipa said...

Belo, como sempre nos habituaste.

Beijo muito terno.

Obrigado pelas tuas palavras doces.

17/5/09 20:50  
Blogger segurademim said...

... já estou farta da crise

ainda bem que o final está próximo.
e se tu o dizes...
luto? parece que também está a mudar, tem novas cores segundo dizem os entendidos

17/5/09 20:56  
OpenID samartaime said...

Não há crise que não dê em fartura!
Pena ter ido à final!
E vou assinar de cruz que é o que dá menos trabalho.

17/5/09 21:59  
Blogger ~pi said...

ai,

sus

pensão

...

crio

génica ?!! :)





beijo





~

17/5/09 22:29  
Blogger legivel said...

Para Samartaime:

"Que tal?" Isso pergunta-se? ainda não fui lá mas decerto que só pode estar uma beleza. Que o teu gosto estético não se questiona.

(Lá está ele a treinar-se para as campanhas, o aldrabão... )

17/5/09 23:22  
Blogger bettips said...

Ah...também preciso de óculos e sou do tempo em que se escrevia nos vidros
"se uma janela o incomoda aberta, peça ao condutor que a feche"
Por isso, esses pronunciantes de ccs que se danem e continuem a prenunciá-los, a denunciá-los, como aprenderam na velha escola, à réguada (não leva assento? mas levará acento? estou a ressentir-me de tantos ???)
Estamos muito questionáveis, cá e lá - qualquer dia ainda nos descartam, quer dizer, tiram-nos as cartas e acaba-se a jogatina!
Beijinhos aos pombinhos desse andar que por este andar, ainda festejarão as bodas de diamante!

18/5/09 01:14  
Blogger Filomena Barata said...

que venha o fim, sim, que hoje quero recomeçar!

18/5/09 01:56  
Blogger São said...

Brilhante, sim!

Eu continuarei escrevendo como aprendi há muitos e muitos anos, quando ainda se respeitava a língua.

Uma feliz semana.

18/5/09 10:06  
Blogger Justine said...

Fim? Fim? Cá para mim não há fins, há transformações e variados princípios...
...e eu seja ceguinha se isto, como dizia o outro, não é o principio de uma grande amizade!

18/5/09 11:03  
Blogger Justine said...

...e já me fizeste dar uma boa gargalhada há pouco(à cause des anches)!

18/5/09 11:07  
Blogger Teresa Durães said...

estou para aqui a pensar porque raio fui atrás do link gratuito. e essas perguntas todas não se fazem só no café?

18/5/09 14:34  
Blogger Idun said...

amigo legível,

só não queremos que anuncies para breve o fim deste blogue. viajamos, seguindo as tuas indicações, até minguante e, depois do curto, no entanto aprazível, passeio, cá estamos de regresso, para te deixar umas marradinhas amistosas.

já disse à Humana que um dia destes tem de postar lá no jardim o retrato do "gato finguelinhas"...

18/5/09 15:46  
OpenID samartaime said...

Compadre, não era cá nem lá, era aquela dos putos, do capilé e da groselha!
Mas estou em pulgas para ir à Tasca Beat - se for na rua, melhor!
Se vocês providenciarem o garrafão, eu vou daqui com a caixa das sardinhas e roubo uns pimentos pelo caminho. O resto fica por conta da Segura! eh eh eh

18/5/09 19:50  
Blogger Arabica said...

Alberto,


que as tuas personagens, por quem mandas recados, nunca tenham um fim exacto.


A terra pode ser mundo, o mundo pode ser para os iletrados, agora papel sem fantasia é que não me parece possível, na exactidão do serviço público prestado.


:)

Abraços, risos e muitos links :)
Ou drinks. ;))

18/5/09 23:46  
Blogger Ruela said...

Obrigado meu amigo,
grande abraço.



p.s. Talvez não esteja lá, mas vale a pena visitar...depois de Vigo vai para o Porto...se ninguém a comprar ;)

19/5/09 00:28  
Blogger legivel said...

Para Teresa Durães:

Tu sabes bem que não sou rapaz de fazer perguntas indiscretas. Fico-me pelas meras "Tem horas que me diga?" (e ando sempre de relógio) ou "Não se importa de tirar o chapéu que o filme já começou há mais de meia-hora e ainda não consegui ver a cara da Kate Winslet?"
Por outro lado, também sabes que não tomo cafés, não como restaurantes nem mordisco pastelarias. Quanto muito, bebo umas cervejarias.
Quem faz as perguntas é o Alberto Oliveira. Eu só assino.

19/5/09 00:41  
Blogger dona tela said...

Ai que apanhei cá um susto... O senhor tem cada brincadeira. Valha-nos a Senhora de Fátima que fica lá para os lados do Verdelhal. Conhece?

19/5/09 15:31  
Blogger legivel said...

Para dona tela:

Então não conheço?! como as palmas da minha mão. Estive lá recentemente a rir. A rir de quê?! mas é preciso haver um motivo para uma pessoa se rir?? Ó Dona Tela...

19/5/09 16:13  
Blogger Rosa dos Ventos said...

Gosto dos teus recados, sobretudo sem acordo ortográfico...
Já passei por mínimas mudanças ortográficas, mas tudo o que é a mais perturba-me!


Abraço

19/5/09 17:52  
Blogger mixtu said...

o fim está próximo do princípio...
por exemplo... quando estou a ordenhar as minhas ovelhas, quando termino... é o princípio de um grande queijo...
jajajaja
e para o meu fim... já tenho um tinto de eleição... para quem me carregar... claro está...

abrazo serrano e europeo

19/5/09 18:01  
Blogger Ana Lina said...

Eu cá que sou frontalmente contra o acordo ortográfico e que até ao (meu) fim hei-de continuar a escrever como aprendi na Primária (ah, pois é! Ainda se chamava primária e recebía-se um relógio de pulso com a passagem da 4ª classe. E por ser mesmo do contra vou sempre fazer de conta que não fim. (Não me voltam a enganar com o ano 2000).

E porque não deves esperar, deixo-te um beijo.

19/5/09 22:01  
Blogger Madalena said...

ahahahaha.

Ando com nenhuma vontade de me rir. Garanto. Cheguei aqui passei no link li os comentários e soltei a gargalhada que se lê acima.

Perdoe se não escrevo "genial" "excelente como sempre" e outras coisas costumeiras em blogs.
Por não saber dizer coisas tão certas são mais as vezes em que não comento. Hoje ri. Com gosto.

Obrigada. :)

19/5/09 23:20  
Blogger Mar Arável said...

Não há morte

nem princípio

20/5/09 00:01  
Blogger Fa menor said...

Pois... Um fim é como um princípio. Se há um fim é porque existiu um princípio. E quando se começa é sempre no fim; se um fim acontece é sempre o início de outro algo que está lá para a frente.

Bjs

20/5/09 17:16  
Blogger segurademim said...

... essa do sol de pouca dura

é mesmo comigo? ou o pronunciar o fim

20/5/09 19:16  
Blogger Peg solo said...

tenho a dizer q o fim será em 2012... aproximamo-nos de um buraco negro, ou velho? talvez velho e negro q nos vai sugar! quem diria... sao so mais uns aninhos ;)

21/5/09 00:38  
Blogger Auréola Branca said...

Sempre digo: o fim aí está para quem não mais aqui está...

Saudades...

21/5/09 05:43  
Blogger MagyMay said...

Mas será que aqui não estão "vários" fins?...a mim, parece-me
Mas como fins implicam sempre inicíos...acho eu
Então, seja lá o que for, ou não... que passe por essa tua "fantasia" digo-te que
"When is good, is really good..when is bad, is better than nothing"!!!!

21/5/09 20:41  
Blogger Vieira Calado said...

Eu, que praticamente não dava erros de ortografia, começo a ficar baralhado.

Até quando, se nunca se sabe quando acaba a Crise...
nem quando começou...


Abraço

22/5/09 01:20  
Blogger A said...

... como aquelas pessoas que dizem que vão fechar o Blog e que é o fim e tal e tal, e afinal nunca chega o fim...

Ou como o último livro do A.Lobo Antunes, que nunca é o último (e ainda bem) ou a última vinda a Portugal do Leonard Cohen (que afinal também não era). Isto a citar coisas boas, claro!

22/5/09 16:22  
Blogger Alien8 said...

Legível,

Está bem visto e bem questionado, mas também é verdade que o letreiro fala em "próximo", e quem poderá dizer quando será esse "próximo"? Pois...

Só mais uma coisinha: Quando escreveste exactamente, não quererias ter escrito "exatamente"? :)

Um abraço.

24/5/09 00:02  
Blogger Azul said...

Olá caro amigo. Eu adorei este texto, para ser franca! Não é que outros tantos dos seus não me agradem igualmente, mas vá-se lá saber porquê, adorei este! Recomendava-lhe, se não der muito trabalho, que passe pelo Arroz de Grelos, para ler um seu congénere acerca da crise e do seu fim, ou princípio interminável. Acho que lhe vai provocar umas boas gargalhadas. (Tem de o procurar, dado que já não é o post mais recente, ok?)

Quanto ao de cima, e do malfadado passeio de carro, que posso eu dizer a não ser que gostei dos nomes dos seus vizinhos?! eheheheh

bem haja. abraço forte. Com amizade. AZul.


www.arroz-de-grelos.blogspot.com

26/5/09 12:28  

Post a Comment

<< Home