Sunday, March 30, 2008

SEM REDE





















O universo circense desde sempre fascinou Demétrio que um dia sonhou ver o seu nome aparecer naqueles cartazes multicolores que pretendem sugerir a movimentação de corajosos trapezistas voando sem mãos, esbeltas amazonas com pernas montando cavalos em pelo, simpáticas focas carecas em roupa interior, ferozes tigres do exterior em papel de Bengala, palhaços pobres em cadeiras de rodas de esferas, ricos palhaços conduzindo Ferraris vermelhos, equilibristas no arame de quotidianos cinzentos, enfim, um cortejo de emoções fortes e encantamento, que apela aos habitantes dos sítios onde a caravana do circo estaciona, a assistir ao maior espectáculo do Mundo. O nosso homem bem tentou integrar esse mundo, mas as respostas eram invariavelmente idênticas "Esse número está muito visto. Passe por cá com alguma coisa mais original." Estava quase, quase, a mandar às malvas o sonho, quando por puro acaso, num blog de nome "Papel de Fantasia", leu um comentário -em castelhano pouco credível, a expressão "Caracoles!"Estava ali a chave do seu futuro sucesso. No quintal da sua vizinha Mercedes (com quem mantinha cordiais relações) apanhou dois desses moluscos gastrópodes de tenra idade e durante seis meses não se poupou a despesas e sacrifícios, alimentando-os à grande e à francesa e adestrando-os como se fossem para a guerra. Depois, bateu à porta do Circo Alfonso y Martinez e apresentou-se "O meu nome é Demétrio Shewarzenegger e estes são os meus Caracolões de Combate. Que tal?" A resposta foi pronta do homem que o atendeu "Vá ao Grande Circo Casa Branca e pergunte pelo empresário Bush. É capaz de ter sorte."

Valência, 2008. Texto e foto de Alberto Oliveira.

28 Comments:

Blogger Teresa Durães said...

semore a ironia a imperar

30/3/08 18:29  
Blogger Vanda said...

Caracoles de combate? :-O

Santo Deus da minha alma!

O futuro é dos caracóis!! :-D

Bem cantava a Herminia Silva:

São caracóis, s~~ao caracolinhos, são os espanhóis,
são os espanholinhos!!

É o que faz ir para terras de nuestros hermanos e adormecer a ver a CNN :)

Se quiseres dar mais umas voltinhas na city, já lá estão as mais recentes :)

Beijo

31/3/08 00:15  
Blogger ~pi said...

qual rambo qual ben hur qual quê!!

caracóis, isso sim!

ca ra cóis...

ao grande circo

da

vida!!




:)

31/3/08 10:36  
Blogger Rui said...

Mercedes estava de rabo alçado a puxar pelo pepino, quando Demétrio lhe pulou a cerca. Do jardim.

- Ah, Mercedes, tens uns melões que são um regalo para a vista.
- Gostas?
- Se gosto...
- Queres apalpa-los?
- Não achas um pouco cedo?
- Hmmmmm, já são 10:15...
- Não, que ainda estão verdes.
- Er, pois, ainda devem estar. Ai Demétrio, Demétrio, eu aqui com uma horta tão viçosa e sem ninguém que a adube. Isto das relações cordiais...
- Ora, já podias ter dito. Vai lá buscar o adubo que eu dou-te uma ajuda.
- Deixa estar, deixa estar. Conta-me antes como foi no circo.
- Oh, uma perda de tempo. Mandaram-me à Vicia Faba. Ainda por cima, nos estados unidos.

DLIM, DLÃO... DLIM, DLÃO

- Estão a tocar à porta - Demétrio, constatou o óbvio com um suspiro.
- É o carteiro.
- Como sabes?
- Toca sempre duas vezes, o gajo - e Mercedes foi abrir-lhe a porta de pepino na mão. - Demétrio, o carteiro tinha ido a tua casa e pediu-me para te entregar este envelope.
- SPA SPA? Sabes o que é isto?
- Nem imagino. Abre.

Sociedade Portuguesa de Autores & Sociedade Protectora dos Animais

Exmo. Sr. Demétrio Swartzbanger,

A SPA vem por este meio informá-lo que o termo "Caracoles" está registado e não pode ser usado, sob pena de um processo judicial.
E já agora, para pouparmos nos selos, a SPA vem também avisá-lo que se não submeter os caracóis a uma rigorosa dieta, devolvendo-os aos seu aspecto normal, vai chibar-se à ASAE e você está lixado.

Cordialmente,


SPA
SPA


- Hoje também não é o meu dia, vizinha - disse Demétrio, com os olhos molhados.
- Encosta no meu peito e... chora.

31/3/08 10:57  
Blogger lenor said...

Sem rede? Dá aí uma volta ao quarteirão, pode ser que consigas sinal. E liga!

31/3/08 15:42  
Blogger bettips said...

Ando obcecada com a AR. Já viste no anterior. Não me cabe na cabeça que se tenha escolhido ou a maioria, ou lá o que é, aqueles fantômas. E por tal, aqui o que mostras só me parece o hemiciclo, os caracóis, a moca, o Homostupidus e não sei observar mai nada...
Abçs

31/3/08 17:10  
Blogger Eduardo Ramos said...

Não sei o que me fez rir mais.
O teu texto ou os comentários do pessoal que lê o teu blog!
... ou o ter vindo aqui?

CARACOIS?
xiça!
BUSH!?
C'um caraças!
Mas que grande salada! Mas que no fim até faz sentido.
BUSH - moita/arbusto... e todos sabemos que os caracois são vegatarianos.
POR OUTRO LADO.
Bush - em Inglês - a vulva feminina.
Cacarol - em português - ... a mulher num estado... bem! Vocês sabem.

FAZ TODO O SENTIDO.
A questão é... foi de propósito?
Temos aqui alguém com uma personalidade contorcida e que se esconde por detrás das palavras?

Muito bem!
Belo blog cheio de coisa para divertir.

BORA LÁ PESSOAL. VENHAM AO MEU BLOG. HOJE FUNDEI UMA NOVA RELIGIÃO.
GARANTO QUE NÃO PAGAM NADA E VÃO SAIR DE LÁ COM OUTRA MANEIRA DE VER A VIDA.
... ou não!

31/3/08 18:15  
Blogger JPD said...

Rambos e Shewarenegger foi do pior que a América produziu.

Este o sentimento que estava consolidado tinha um equívoco por esclarecer:

O Bush filho jamais abandonaria o Texas.

Enganamo-nos redondamente.

Ele não respeitou o pai, ninguém e ao candidatar-se conseguiu o engano supremo: o de repetir o engano dos eleitores americanos.

Os resultados são conhecidos.

31/3/08 19:44  
Blogger lélé said...

Deve ser por isso que os Circos já não têm "saída"! A concorrência foi e continua a ser devastadora!...

31/3/08 22:40  
Blogger Vanda said...

Bem...depois de ler o Eduardo, não pude deixar de recordar que Dalí também imaginava caracóis...como dizer?...sem ferir susceptibilidades?... nos melões da Gala, perdão! da Mercedes, seguindo as pegadas hortículas do Rui!

:)))

1/4/08 00:00  
Blogger Vanda said...

E sim, desilusão por completo.

Nem jóias, nem Coroa, nem mais pubs. As restantes, privadas :) são para uso interno :)



Boa noite!

1/4/08 01:38  
Blogger Baudolino said...

Fantástico, subtil, feérico e ácido.
Abraço
P.

1/4/08 12:39  
Blogger Vieira Calado said...

SE é para combater, o Bush, esfregou as mãos de contente...
Boa semana para si.

1/4/08 12:45  
Blogger Justine said...

O texto está hilariante, mas é pela ironia que as verdades têm mais impacto: O Bush é sem dúvida o maior "manager" circense dos nossos dias, e quem quiser dar espectáculo, é mesmo falar com ele, ou com os lacaios, que é o mesmo!

1/4/08 14:12  
Blogger Joana said...

Tenho cá para mim que quando o Bush os visse tinha uma panela prontinha para os cozinhar!
E eu que não sou grande apreciadora deste petisco, acho que para estes dois só mesmo o varão dos cortinados da sala de estar para substituir o tradicional palitinho!

1/4/08 15:21  
Blogger Leonor said...

a imagem está em simbiose perfeita com o texto... e imaginar o Bush em posição central a controlar os caracois nesse grande circo é realmente uma grande tentação... e a ele fica-lhe bem

1/4/08 18:30  
Blogger Gi said...

Prodigiosa mente que produz textos assim. Hilariantes, inteligentes qeu conseguem transformar o absurdo em realidades palpáveis.
Bush ... pois fazem-se muitas palhaçadas e ao que parece não são a passo de caracol ! Talvez alguma calma seja precisa por aquelas bandas , os caracóis bem que podem combater esse mal !

Um beijo

2/4/08 00:58  
Blogger batista said...

Conselho recebido é seguir ou não. Não há meio termo. Para por termo à questão jogou uma moeda ao alto. Deu com a cara no chão. Seguiria o conselho... digo: nadaria o conselho, pois que havia um mundão d´água entre sua casa e o Grande Circo Casa Branca. Arreou um dos Caracolões de Combate e jogou a trouxa no outro. Ao sabor da sorte, fez-se ao mar...

Uma gaivota que surfava no esguicho d’uma baleia azul foi o último vivente a ver o trio insólito, disseram-me.

2/4/08 02:51  
Blogger São said...

AH!AH!AH!
Tudo de bom.

2/4/08 17:41  
Blogger Maria P. said...

"alimentando-os à grande e à francesa" ? o que será! :)

Beijinhos e :)s*

2/4/08 22:09  
Blogger Ruela said...

hahahhahhahhahahhahahha
hahaahhahahahahhahhaahh

3/4/08 00:55  
Blogger Lyra said...

Sabes, não consigo deixar de simpatizar com os caracóis, esses moluscos gastrópodes hermafroditas!
Ups...(risos)

Sempre gostaria de saber de ONDE vem essa tua veia irónica, tão bem apurada! Herança genética moura? ehehehehe

;O)

3/4/08 10:39  
Blogger rosasiventos said...

- o meu único para sempre

3/4/08 12:30  
Blogger esse quê? said...

Mal sabia ele o que o destino lhe reservara:

Escola Prática de Caracolaria
Formação contínua
Vagas limitadas

3/4/08 12:56  
Blogger L.Reis said...

Caracolões de combate treinados por Schwarzeneggers cheios de certezas e convicçoes inabaláveis, a rolaram ao som da música de um chapitô branquinho de neve, onde um chefe de cerimónias com tiques de míope, ensaia números burlescos é talvez a melhor descrição que já li da nossa querida América. Os meus parabéns:mais legível que isto era impossível!

3/4/08 20:32  
Blogger un dress said...

o que mais gostei foi

da indumentária

do

domador

de

caracóis...




beijO :)

4/4/08 11:06  
Blogger pin gente said...

não me digas que andaste a tornar os caracois canibais?

7/4/08 15:54  
Blogger segurademim said...

... e tiveste???

deve ter sido um prazer assar os caracoles ranhosos

7/4/08 16:07  

Post a Comment

<< Home