Tuesday, February 26, 2008

DE GUARDA AO PAPEL

Bateu-me à porta assim, exactamente fardado como aparece na imagem. Levou discretamente dois dedos à pala do boné no gesto usual de saudação castrense e nem me deu tempo a abrir a boca "Venho oferecer-lhe os meus serviços porque sei que precisa de mim." Numa fracção de segundos imaginei o filme: o nosso primeiro visitou o centro de emprego da área onde resido, espantou-se de me saber inactivo durante quase dois anos, convida-me para a pasta da defesa e este militar é o meu oficial às ordens. Mas... não faz sentido! Se a última ocupação certa que exerci foi a de marcador-avivador das "quatro linhas" do estádio municipal de Sarilhos Médios de onde fui despedido por -num dia de enorme pressão laboral, pintar a marca de grande penalidade logo a seguir à da circunferência do centro do terreno... como é que ele poderia ver em mim, o titular de uma pasta recheada de problemas militares, como eram as constantes invasões ao nosso território, por parte de franceses e espanhóis? Dirão vocês "mas há muitos anos que não nos invadem?!" Pois sim! Quem invade uma vez, invade outra quando menos se espera e sem pedir licença. Angustiado, porque o exercício mental raramente faz parte dos meus hábitos desportivos e pela dúvida que a presença do militar empertigado me suscitava, perguntei-lhe diplomaticamente porque portas e travessas tinha notícias das minhas necessidades, quem foi o bufo que lhe cantou que eu estava no desemprego e, onde é que o "soldadinho de chumbo" iria exercer as suas funções. No rosto, não lhe notei qualquer traço de surpresa quando me respondeu firme e lacónico "Aqui, no "Fantasias", lugar público, onde o senhor descarrega todas as suas extravagâncias alucinatórias e se expõe à ira dos virús, worms, spyware, dialers, jokes e tantos outros. " Face a estes argumentos, o que poderia eu fazer senão dar-lhe carta branca? Dez minutos depois, ei-lo neste sítio, -de guarita montada, aprumado, armado, vigilante e de luva branca...


Praga, 2007. Texto e foto de Alberto Oliveira.

26 Comments:

Blogger Rui said...

O que eu passei para aqui chegar!
Então não é que o guarda-marinha (espero não estar a cometer um inconfidência, mas chamo-lhe assim porque ele me disse que tu metes muita água no blogue) não me queria deixar passar. Pediu-me a palavra-passe. Disse-lhe que só tinha a do Blogger, mas ele disse-me que não era essa, que "havia outra". Cantei-lhe os versos que sabia da canção da Mónica Sintra (ou é Cintra?), na esperança que fosse isso, mas qual quê, manteve-se empedernido na guarita da fantasia, impedindo-me o acesso.
Insisti e ele perguntou-me se tinha visto a conferência de imprensa do Soares Franco. Quê, vai ser preciso comprar a box lagarta para entrar aqui?. Como é que pode ser de outra maneira para se chegar aos calcanhares do Benfica.... Vai daí, passa-me uma coisinha má pela vista e fui-me a ele. Valeu-me estar mais bem armado que ele. Que nunca saio de casa sem ser armado em parvo.

26/2/08 12:15  
Blogger L.Reis said...

Eu sabia que esta malta da informática ia acabar por acertar uma vez na vida...é o que toda a gente, há muito estava à espera..um anti-virús, anti-worms, anti-spyware, anti-dialers, anti-jokes e anti-tantos outros(quase tudo o que se infiltra é estrangeiro...repara) que se auto-entrega e auto-instala, que me parece bem-educado e eficiente ...até já posso imaginá-lo : (mas que raio me deu para usar tantos hífens???)
PAF! Bofetada com luva branca à direita PAAFF! Bofetada com luva branca à esquerda
PIF SLASH!!!-pisadela no worm que se aproximava da rectaguarda...Até eu ia sendo mordida numa canela...e tive um trabalhão dos diabos, para convencer o homem da meu angélico papel na fantasia alheia.

26/2/08 21:50  
Blogger Maria P. said...

Gostei de te saber guardado!:)
Assim estou segura que terei mais rimas, só espero que o meu comentário passe e seja aprovado pelo Guarda ao Papel!

Beijinho e :)Senhor da rimas*

26/2/08 21:57  
Blogger samartaime said...

Saiba vossência, Senhor Ministro Sem Papel, que o seu oficial às desordens da fantasia, me pediu não só senha como contra-senha. E eu, que vinha armada em pilantra, passei-me da cabeça e mandei-o limpar armas para o fim de semana que há sempre espanhol esfomeado a invadir-nos o terreiro fronteiriço.

27/2/08 00:43  
Blogger bettips said...

Se foi ou não a fantasia social que os escolheu, não sei! Tenho uma vaga ideia que sim.
Mas que a ti, ela não falte, como denúncia bem humorada que vais fazendo! De luva branca.
Abçs

27/2/08 03:33  
Blogger Teresa Durães said...

ahahahah por pouco não podia comentar. esse senhor está a fazer um trabalho sério e de spammer tenho muito a dizer...

27/2/08 10:59  
Blogger rosasiventos said...

a tarde inclinou-se toda a tarde para o mar.

27/2/08 11:19  
Blogger Vanda said...

Caí cá de paraquedas :) o teu guarda-mor, habituado que está a sentinelas mais terrestres nem se apercebeu...mas duvido ter sido suave na queda ;)) ... o coitado é que ainda estava dorido das nódoas negras que o Rui tinha provocado ao seu garboso ego :)

Para nos conectarmos à fantasia...basta dar asas à imaginação, né?


:)

27/2/08 14:11  
Blogger lenor said...

Quando eu for ministra do ataque nem o soldado da guarita te salva.

27/2/08 15:20  
Blogger ~pi said...

ai que ele tem um ar tão...tótó,

tão...estático!!



é mesmo pessoa?

e ainda por cima...guarda!!?

27/2/08 16:19  
Blogger un dress said...

era de cera era!

confirmei...

sem reacção!

- nem arma

nem fala

nem cócegas nem nada!!


parece que é mais

uma escultura

pós-moderna... :()




abraÇo.beijO

/ainda vagamente na dúvida...

27/2/08 18:54  
Blogger Vanda said...

Cronista? Eu?

:) Deixa-me rir :) apenas teimosamente militante de um diário (às vezes anuário) que se fez publico :))

Alma irrequieta.

Confirmo.

Parada não se cresce...e eu ainda sou tão pequenina...

Para 6 dias na sua capital preferida aconselha o passe turistico ou o oyster?

Dava jeito saber :)

27/2/08 19:27  
Blogger pentelho real said...

cuidado se te apamha distraído: tem uma mini cadeira eléctrica dentro do bolso das calças...

28/2/08 01:04  
Blogger ~pi said...

a ver se se mexe...

... mas não, adormeceu!!!

28/2/08 13:58  
Blogger rach. said...

:-0)

anti-virus, pró devaneios...

se fosse a ti, vigiava a retaguarda


1 beijo

28/2/08 17:54  
Blogger M. said...

Sorrio, porque a subtileza se mantém aqui neste teu lugar.

28/2/08 18:53  
Blogger lélé said...

De facto, o guarda é eficiente! Ontem, consegui ler a história, mas, quando toda lampeira ia deixar aqui a "colherada", foi-me literalmente vedado o acesso! E não foi só a este blog!... A desculpa do tipo: "Ah e tal, estamos em manutenção, aguarde um minutinho". Tá bem!... Passaram 30 minutinhos e a lenga-lenga mantinha-se!

Acho que a tua primeira intuição, de que tinhas sido nomeado para a pasta da defesa, estava certa e depois de saber o motivo por que foste despedido do último emprego, faz todo o sentido!
É fácil imaginar o discurso do nosso primeiro:
"O tipo marca a linha de grande penalidade junto à circunferência do centro? Então temos homem!"

28/2/08 22:25  
Blogger Ruela said...

que pintura ;)

28/2/08 23:20  
Blogger segurademim said...

... gosto da luva!!! aliás é mesmo do que gosto mais - da luva!!!
boa profissão: guardador de papel

devia ser político. voluntarioso, obstinado!!! a guardar qualquer coisinha que pertence aos outros...


a ti não te vejo com perfil para guardar fronteiras...
ah... não nos invadem???!!!
post recheado de sarilhos... médios???

já tens mas é um colaborador para encontrar a cadeira eléctrica

29/2/08 08:20  
Blogger mixtu said...

o castro
a disciplina
estórias...
escola de virtudes
o fdesemprego com pasta pu sem ela
desejos ministeriais
sarilhos onde te metes, os pequenos são do nº 9, do Manel...

estórias, um dia conto-as, um pastor em mafra, no calhau...

abrazo serrano

29/2/08 16:26  
Blogger tb said...

Ora e não é que o sujeito enfiou a carta nas mãos usando-a como se de luvas se tratasse? foi assim que eu passei sem que ele desse por nada, entretido com a troca que fizera. :))
Visitar-te é sempre a certeza de um sorriso.
beijinhos e bom fim de semana

29/2/08 19:08  
Blogger Joana said...

Assim ficamos mais seguros e tudo, ali com uma figura da autoridade militar!

Bom fim de semana!

1/3/08 02:01  
Blogger Templo do Giraldo said...

http://templodogiraldo.blogspot.com/


Passem por aqui.

SAUDAÇÕES.

1/3/08 20:45  
Blogger ~pi said...

a ver o homem pedra...

2/3/08 09:06  
Blogger Leonor said...

tive sorte: passei entre a chuva e não foram precisas pass-words, bigodes postiços,cartões falsificados, nada.
Se assim entrei, assim sairei: discreta e a assobiar para o lado.

afinal, se vir por aí algum francês ou espanhol, não quero estar a incomodar a autoridade com trivialidades

3/3/08 01:07  
Blogger Gi said...

Hum... percebi. O guarda vai impedir que façam fotocópias .
Tu és único, assim deves continuar pois o teu "Papel" tem ... resmas de graça :)

Um beijinho , bom fim-de-semana

8/3/08 16:40  

Post a Comment

<< Home