Friday, June 03, 2011

É SÓ PAISAGEM










Por vezes surpreendo-me a observar uma paisagem conhecida de há muito, como se fosse pela primeira vez. Quando tal acontece, faço uma foto ao assunto e depois confronto-a com outras fotos da mesma paisagem e feitas em iguais circunstâncias. Claro que, salvo as naturais incidências das estações que originam colorações diversas no solo e nos ares, a paisagem é a mesma de sempre que não sou assim tão velho que a erosão tenha dado a volta à cena, desde a primeira foto até à mais recente. Depois aproveito sábados de reflexão e, na posse de toda esta informação imagética ao longo do meu tempo disponível para as ciências da natureza, termino o processo com a construção de uma paisagem a meu gosto. Daquelas que me dizem ser das que não existem nem nunca existirão e que são fruto da minha mente retorcida. Pois sim, roam-se.




2011. Foto, texto e tríptico (óleo sobre tela) de Alberto Oliveira.

2 Comments:

Blogger ss said...

e olha, já se pode comentar!
Como a paisagem que está em constante alteração...
:)

20/6/11 10:22  
Blogger tb said...

Por isso cada momento é único. Uma bela tela e texto a condizer perfeitamente. :)*

23/7/11 16:11  

Post a Comment

<< Home