Monday, April 25, 2011

25 DE ABRIL HOJE

Os tempos não estão para casamentos para a vida; são cada vez mais raros os que se unem (por amor) com a utopia até que a morte os separe. As promessas de fidelidade que se juraram e morreram na areia e os planos para um futuro risonho que se lembram, voltando ao dia da boda trinta e sete anos atrás, provam-no. Mas nem tudo é mau : a troika trata da papelada do divórcio sem querer saber qual das partes delapidou o património conjugal e nas redes sociais não se irá esquecer Victor Espadinha: "sim eu sei, que tudo são recordações".


2011. Texto de Alberto Oliveira.








Tuesday, April 19, 2011

ONDE TODOS SE PASS(ei!)AM



video


Onde todos se passeiam também hoje me passei. Que este passeio p´la vida, não fui eu que o inventei; passa depressa demais, mais breve que o pensamento; ora ´inda hoje se nasce, amanhã já é passado, mais perto do passamento de ser assim ou assado.



2011. Vídeo e texto de Alberto Oliveira.

Thursday, April 14, 2011

NÃO SE PASSA NADA



video


Pelo que o vídeo mostra (e mais não dá a conhecer por razões de segurança pessoal) alguém seria capaz de afirmar que o FMI está entre nós? que cada vez que um agente político fala é para desmentir o que disse no dia anterior? que a Finlândia nos está com uma azia tão grande que nos tempos mais próximos não se aconselha aos portugueses fazer turismo por aquelas bandas? que a Fernando Nobre só faltou candidatar-se à presidência do Sporting? que a esquerda-mais-à-esquerda-de-quem-entra no universo luso partidário se sentou à mesma mesa para tentar perceber porque carga d´àgua o simpático dono do restaurante vota CDS? que neste preciso momento são mais aqueles que não trabalham (e os que os estão a ajudar nessa nobre tarefa) que aqueles que o fazem de facto? que o futebol nacional é um espectáculo de múltiplas nuances artísticas onde se eleva o nome de um grande jogador (não há treinador, adjunto, massagista ou até colegas que não lhe gastem o nome): vai Caralho! finta Caralho! remata Caralho! ? que "a cantiga é uma arma" e, cientes disso, os Homens da Luta vão disparar sobre uma imensa plateia eurovisionadamente apatetada com tamanho poder de fogo?


Claro que ninguém de bom senso afirmaria tais coisas ao visionar este pequeno filme, num pedaço do país, calmo e pouco dado a conflitos e confusões, que "por cá é tudo gente de paz e amiga do seu amigo".


2011. Texto e vídeo de Alberto Oliveira.


Sunday, April 10, 2011

A ESCRITA EM DIA; À NOITE.

Quem por este sítio tiver ainda a teimosia de passar, não pode imaginar a felicidade que me inunda por algo tão simples como isto: antes escrevia porque me apetecia, agora escrevo quando me apetece. De modo algum, pretendo baralhar os eventuais leitores com afirmações metafísicas recheadas de paradigmas insofismáveis, porque nunca foi essa a minha condição de proceder. De facto, ao passar a este avançado estádio, onde a temporalidade assume lugar destacado, a minha escrita transformou-se: tão depurada que, à vista desarmada, não se topa onde se finou o texto ou se chegou mesmo a nascer; tão irritantemente criativa que me pergunto «serei um deus a escrever oblíquo por linhas transversais?»


2011. Texto de Alberto Oliveira, sem imagem de autor (des)conhecido.

Monday, April 04, 2011

HAJA DEUS!

Andou bem Jesus ao afirmar ontem, alto e bom som, que "não é electricista". José, humilde carpinteiro e associado nº 600.001 do slb, gostou tanto da resposta pronta do seu filho que, ao ser entrevistado na tvi desmentiu categoricamente que seja consultor de uma agência de rating ou primo direito da senhora Angela Merkel.


Texto de Alberto Oliveira.